Unisa Digital forma mais 24 profissionais de seis áreas em Parauapebas

A instituição, com 50 anos de tradição, 10 deles no município, tem sido cada vez mais procurada por quem deseja ter uma graduação
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A Unisa Digital – Polo de Parauapebas – mais uma vez esteve em festa. Aconteceu ontem, quinta-feira (16), a formatura de mais 24 profissionais preparados para o mercado, em: Administração, Ciências Contábeis, Engenharia Ambiental, Engenharia de Produção, Gestão de Logística e Gestão em Recursos Humanos. Para Lilia de Carvalho Moraes, responsável pela Unisa local, esse é um momento de muita satisfação, que vem se repetindo nos dez anos em que instituição de Ensino a Distância está na cidade.

“Estamos muito felizes e convidamos às pessoas que precisam de uma graduação que nos procurem. Nosso objetivo é oferecer à cidade o melhor Ensino à Distância, como uma instituição que já tem 50 anos de tradição no mercado”, destaca ela.

Durante a solenidade, os formandos não pouparam elogios à Unisa e isso se deve, segundo Lilia Carvalho, à qualificação da equipe que trabalha na instituição de ensino. “Nossa equipe é qualificada e estamos em constante capacitação, porque se trata de uma universidade a distância onde o tempo todo tem inovação e temos de inovar junto com ela”, assegura.

Reconhecimento e gratidão

Lilia afirma que a orientação para as funcionárias da Unisa é atender sempre bem aos acadêmicos, pois, reconhece que Parauapebas é um polo industrial no qual quase todos os que estudam ali trabalham e muitas vezes não conseguem cumprir os horários. “Somos muito gratos a todos por terem escolhido a Unisa para conseguir uma formação. Espero que façam a pós conosco também. Muito obrigado por esse reconhecimento”, agradece, anunciando que na próxima terça-feira (21) acontece mais uma formatura.

Para Simone Monteiro de Carvalho, que se formou em Recursos Humanos, a alegria de estar participando daquele momento era especial: “Só Deus sabe o que eu tive de passar para poder estar aqui hoje. Não é fácil você levantar pelas madrugadas para estudar, abrir mão do passeio com os amigos, abrir mão da família, porque sabe que o foco lá na frente é bem maior. E Deus, em todos os momentos, esteve comigo”, lembra.

Formandos recomendam a Unisa

“A Unisa para mim é uma instituição muito bacana, é uma faculdade em que as pessoas lá de dentro me ajudaram muito. Em todas as situações que eu precisei, eles me ajudaram e eu só tenho a agradecer a Unisa por ter me dado essa oportunidade de estar aqui hoje. Também quero fazer a minha pós aqui e recomendo a Unisa para quem quiser buscar uma formação”, avalia Simone.

Para Adelmo Pereira Gonçalves da Silva, que se formou em Engenharia de Produção, aquele momento foi ímpar. “Com certeza, depois de tanto sufoco, tanta batalha, que não foi fácil, por ter de parar a faculdade mais de três vezes para cumprir obrigações com a família e investir nos meus filhos. Indico a Unisa com toda a certeza, tanto é que já matriculei meu filho para fazer Gestão de Logística e estou fazendo a minha inscrição na pós em Engenharia de Segurança do Trabalho”, reconhece.

Em seu discurso, o paraninfo da turma, vereador Luís Alberto Moreira Castilho, da Câmara Municipal de Parauapebas, deu os parabéns a todos os formandos, disse que é difícil estudar para realizar o sonho de se formar, mas é necessário superar as dificuldades e buscar o conhecimento, “porque o conhecimento abre portas”,

“As portas do mundo estão aí e agora vocês têm o conhecimento para abri-las. Muitas coisas dependem da família, se não é o apoio da família e a nossa vontade de alcançar o objetivo, nós não alcançaremos nunca. Parabéns à família, pela paciência e pela compreensão da ausência”, disse ele, se dirigindo aos familiares dos formandos.

“Avancem! Hoje todos vocês são oceanos”

“Eu tenho certeza de que muitos aqui são pais e são mães e têm de deixar a casa, com o coração partido, mas têm de ir atrás do objetivo e o objetivo hoje foi alcançado. Na entrada, ali, percebi que o anel de formatura de vocês é colocado no dedo anelar, na mão esquerda”, observou o paraninfo, prosseguindo: “Então, é casar também com a profissão. É saber que aquela profissão que você escolheu o acompanhará até o final da vida”.

Luiz Castilho disse que não importa que curso cada um  escolheu. O importante – afirmou ele – é que a pessoa seja boa naquilo que escolheu, que seja a melhor. E lembrou que e as coisas novas nos dão medo, deixando, em seguida, aos novos profissionais, a mensagem contida no texto “O Rio e o Oceano”, de autor desconhecido.

“Diz-se que, mesmo antes de um rio cair no oceano ele treme de medo. Olha para trás, para toda a jornada, os cumes, as montanhas, o longo caminho sinuoso através das florestas, através dos povoados e vê à sua frente um oceano tão vasto que entrar nele nada mais é do que desaparecer para sempre. Mas, não há outra maneira. O rio não pode voltar. Ninguém pode voltar. Voltar é impossível na existência. Você pode apenas ir em frente. O rio precisa se arriscar e entrar no oceano. E somente quando ele entra no oceano é que o medo desaparece. Porque apenas então o rio saberá que não se trata de desaparecer no oceano, mas tornar-se oceano. Por um lado é desaparecimento e por outro lado é renascimento. Assim somos nós. Só podemos ir em frente e arriscar. Coragem! Avancem, todos vocês hoje são oceanos, não são mais rios. Parabéns a todos e sucesso em suas caminhadas!”, concluiu.