TRE-PA sorteará urnas para auditoria na véspera da eleição

Quatro urnas, sendo uma de Belém e três de outros municípios, serão usadas na auditoria para demonstrar eficácia da urna eletrônica.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA) divulgou a programação do sorteio e auditoria de funcionamento das urnas eletrônicas. A ação é realizada em todo o Brasil pelos TREs com objetivo de demonstrar o correto funcionamento da captação e da apuração dos votos, além de atestar a confiabilidade e eficácia das urnas eletrônicas.

No sábado (14), véspera da eleição, a partir das 9h, ocorrerá evento oficial e aberto ao público para sortear as quatro urnas eletrônicas, sendo uma de Belém e três de outros municípios, que serão usadas na auditoria. Elas serão retiradas do local de votação e levadas para a sede do TRE/PA. A auditoria será realizada no domingo (15), durante a votação, das 7h às 17h, na sede do Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE/PA), em Belém.

Para que a auditoria ocorra, 9 mil cédulas estão sendo preenchidas manualmente no Estado, até a próxima sexta-feira (13), por entidades e pela própria população. O material será usado como base para os participantes da auditoria digitarem esses votos e verificarem a idoneidade do equipamento.

“A urna eletrônica já está inserida nas eleições brasileiras há aproximadamente 20 anos, e detém credibilidade nacional e internacional. A auditoria da votação eletrônica é mais um meio de auditagem e fiscalização do processo eleitoral brasileiro”, afirmou o presidente da Comissão de Auditoria 2020, o juiz Edmar Silva Pereira, integrante do TRE do Pará.

Para o TRE-PA, a vantagem dessa auditoria é conseguir demonstrar de forma clara e transparente, para eleitores sem conhecimentos específicos em tecnologia, a segurança da votação na urna eletrônica. Todos os passos da auditoria serão filmados e, depois de finalizada a apuração, é feita a comparação do resultado da votação revelado pelo participante, com o resultado registrado no Boletim de Urna.

É um evento aberto ao público e conta com a participação de representantes de partidos políticos, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), do Ministério Público Federal, por meio da Procuradoria Regional Eleitoral, entre outros órgãos.

Fiscalização

Outra forma da população colaborar para o bom andamento das eleições este ano é baixando os dois aplicativos oficiais da Justiça Eleitoral: o “Pardal”, que recebe denúncias de propaganda irregulares ou crimes eleitorais; e o “E-Título”, que reúne as informações oficiais de cada eleitor, sendo usado no lugar do título de papel.

Serviço:

Auditoria de Funcionamento das Urnas Eletrônicas

Sorteio: Sábado (14), às 9h.

Auditoria: Domingo (15), das 7h às 17h.

Onde: 3º andar do TRE/PA (R. João Diogo, 288 – Campina, Belém)

Por Dayse Gomes