Trabalhador rural assassinado enquanto dormia, em Goianésia do Pará

Após discussão em um bar, o suspeito invadiu a casa da vítima, que estava dormindo sobre uma mesa, o executou com um tiro de espingarda na cabeça
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O delegado de Polícia Civil Melquesedeque Ribeiro, de Goianésia do Pará, e sua equipe de investigadores identificaram o principal suspeito de ter assassinado o trabalhador rural Marcos Nascimento Rocha, de 40 anos de idade. Trata-se de Rodrigo Silva Moura, 22 anos, supostamente amigo da vítima. O homicídio ocorreu na zona rural do município, localizado na região sudeste do Pará.

Avisada do crime por moradores da região rural conhecida como Vicinal Alfaia, a cerca de 20 quilômetros do centro da cidade, a equipe da Polícia Civil chegou ao local do crime, um bar na propriedade rural de um pequeno produtor rural.

O que os investigadores apuraram é que, durante o domingo (12), havia um grupo consumindo consumiu bebida alcoólica e uma discussão entre a vítima Marcos Rocha e um irmão do suspeito desagradou a Rodrigo Moura.

Após o desentendimento verbal, os três saíram do estabelecimento. E, embriagado, Marcos Rocha, adormeceu em cima de uma mesa na casa dele, quando foi assassinado com um tiro de espingarda calibre 20. O crime aconteceu por volta de 11h e o disparo acertou a cabeça do homem, que teve morte instantânea.

O suspeito conseguiu fugir do flagrante e a autoridade policial solicitará a prisão preventiva dele à Justiça de Goianésia do Pará.

(Antonio Barroso)