Sobe para nove o número de pessoas contaminadas pelo Coronavírus no Pará

Em Marabá, a prefeitura instituiu ontem o Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus, como forma de reforçar o rigor no combate ao avanço da pandemia
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) confirmou dois novos casos do novo coronavírus em Belém. A informação havia sido divulgada pela prefeitura de Belém, anteriormente pelas redes sociais. No total, o estado possui agora nove casos confirmados – seis em Belém, dois em Ananindeua e um em Marabá.

De acordo com a Sespa, os pacientes são uma mulher de 23 anos, que esteve em Fortaleza, e um homem de 36 anos, que esteve na França. Ambos foram contatados por telefone pelo secretário de Saúde, Alberto Beltrame, e informaram que estão bem e em isolamento domiciliar.

Em nota, a prefeitura havia informado que os exames foram realizados por laboratório da rede privada, seguindo normas da Agência Nacional de Saúde (ANS). Até às 19h de ontem (25), quarta-feira, o Pará possuía 289 casos descartados e 137 em análise, segundo último boletim da Sespa.

Marabá tem Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus

A Prefeitura de Marabá instituiu ontem (25), por meio do decreto nº 27/2020, o Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus, que será coordenado pelo secretário municipal de Saúde, Luciano Lopes Dias.

Entre as competências do comitê estão:

  • Articular as ações governamentais e assessorar o Prefeito Municipal sobre a situação acerca da pandemia da Covid-19;
  • Planejar, coordenar e controlar as medidas de prevenção e enfrentamento ao contágio do coronavírus;
  • Acompanhar todas as medidas de prevenção e combate ao contágio da Covid-19 a serem adotadas pelos órgãos e entidades municipais;
  • Supervisão e monitoramento dos impactos causados pelo novo vírus;
  • Articular, com os entes públicos e privados, ações de enfrentamento da Covid-19 e de seus impactos; e
  • Adotar todas as medidas necessárias com a finalidade de cumprir o disposto no decreto, podendo, inclusive, convocar servidores públicos municipais para o auxílio no que for necessário.

(Fontes: Agência Pará e Ascom PMM)

Publicidade