Semana começa mal para o mundo do crime em Parauapebas

Um assaltante foi baleado e morreu, ao atirar contra uma guarnição da Polícia Militar. Para não ter o mesmo destino, o comparsa dele não reagiu à voz de prisão
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A semana começou com duas baixas no submundo em Parauapebas. Durante abordagem feita por uma guarnição da Polícia Militar, por volta das 7h desta segunda-feira (22), Pablo Dias dos Santos, 22 anos, tombou baleado pelos agentes da segurança pública, e Caio Andrade, 23, teve um destino menos infeliz, foi preso e levado para a Polícia Civil. Em uma motocicleta, eles estavam cometendo assaltos no Bairro Cidade Jardim.

De acordo com o soldado Muller, do 23º Batalhão de Polícia Militar, a guarnição da qual ele faz parte estava em ronda pelo Cidade Jardim, quando foi procurada por uma mulher, que se queixou de assalto praticado por uma dupla em uma motocicleta branca e vermelha.

Com essa e outras características passadas pela vítima, a guarnição saiu à procura dos assaltantes e encontrou a dupla na Rua 13, começando uma perseguição. Já próximo de um matagal a moto caiu e Pablo dos Santos correu para dentro do mato, de onde atirou nos policiais. Na reação, ele foi baleado e morreu.

Quanto a Caio Andrade, este, diante do que viu acontecer com seu cúmplice, não ofereceu resistência à voz de prisão.

(Caetano Silva)

Publicidade