Receita Federal pagará R$ 161 bi de restituição do IRPF na Amazônia na próxima segunda-feira (16)

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Na próxima segunda-feira, 16, a Receita Federal do Brasil vai depositar R$ 161.376.327,86, já acrescidos da Selic, na conta bancária de 135.729 contribuintes pessoas físicas domiciliadas na 2ª Região Fiscal, que  é composta pelos estados do norte do país, com exceção do Tocantins.  O pagamento se refere ao 2º lote de restituição do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF), exercício 2012, e a resíduos dos exercícios de 2011, 2010, 2009 e 2008.

No Pará, 55.232 contribuintes foram contemplados neste lote, que é o maior da história. Juntos, eles vão receber R$ 68.829,118,39. Isto dá uma restituição média de R$ 1.246,18 para cada um. Do total a ser pago no Pará, R$ 67.708.383,97 serão divididos entre 55.364 contribuintes contemplados com a restituição do IRPF 2012.  O restante de R$ 1.260.892,85 se refere ao demais exercícios e será creditado na conta dos outros 418 contribuintes.

No estado do Amazonas serão pagos um total de R$ 39.167.248,64 a 33.691 declarantes; em Rondônia, R$ 24.397.653,45 a 22.445 contribuintes; no Amapá R$ 12.132.581,37 a 8.912 contribuintes; no Acre, R$ 11.956.177,49 a 11.094 contribuintes; e em Roraima, R$ 4.655.462,14 aos 4.624 contemplados no lote.

Para saber se a declaração foi liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet (http://www.receita.fazenda.gov.br), ou ligar para o Receitafone 146. Os contribuintes que ainda estiverem com a declaração em malha podem fazer a auto-regularização através do Portal e-CAC no site da Receita Federal para que sua restituição seja liberada.

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Declaração IRPF.