Redenção

Projeto social militarizado abre processo seletivo no sábado em Redenção

O processo seletivo para o projeto militarizado Águias Mirins vai abrir vagas para 60 crianças entre 9 e 13 anos de idade neste sábado (12), na Escola Irmã Gabriela. A seleção acontece das 8h às 12h. Serão oferecidas vagas para alunos da rede pública e da rede privada de ensino. Quem tiver interesse em matricular o filho deve comparecer à escola, com os documentos pessoais do responsável e da criança. O projeto Águias Mirins não tem fins lucrativos e os pais deve apenas arcar com os uniformes.

O projeto social militarizado Águias Mirins teve início em Redenção, em agosto do ano passado, é idealizado pelos Policiais Militares sargento Francisco de Assis Sousa Lima, cabo Cledson Soares dos Santos e cabo Tatiane Pinto, Águias Mirins e tem como objetivo resgatar valores e ajudar o desenvolvimento de alunos em sala de aula e no meio familiar.

O sargento Lima contou à Reportagem do Blog como surgiu a ideia de criar o projeto: “Nós atendemos inúmeras ocorrências que envolviam crianças e adolescentes. Aí surgiu a ideia de criarmos o Águias Mirins, onde temos o objetivo de ocupar esses meninos enquanto estão de folga da escola, evitar que eles pensem ou venham cometer algo errado”, concluiu.

O cabo Cledson disse à Reportagem que o interesse é levar para as crianças aquilo que não é passado em sala de aula e ensinar a hierarquia e disciplina militares.

A cabo Tatiane ressaltou que todo o trabalho é desenvolvido no período de folga dos oficias. Por esse motivo, vão inscrever somente 60 crianças.

Atualmente o projeto conta com 59 crianças que estão matriculadas, sendo 29 pela manhã e 30 à tarde. As aulas acontecem na Faculdade Fael e a previsão de início é para 4 de fevereiro.

6 comentários em “Projeto social militarizado abre processo seletivo no sábado em Redenção

  1. Douglas Pereira da Silva Responder

    Parabéns a todos envolvidos, pela iniciativa de resgatar princípios morais e éticos concerteza irao ser lembrados por muito tempo e serão passados pq VCS fasem a diferença!

  2. Aparecida Responder

    Esse programa é muito importante
    Estão todos de parabens
    Aqui em Cumaru do Norte foi elaborando,e todos gostaram muito …

  3. Tiao Salles Responder

    Essa foi uma ótima iniciativa, tenho acompanhado esse projeto através do conselho de direito da criança e adolescente de Redenção e vimos que os reaultados sao de imediato. Parabéns sargento Lima e companhia.

  4. Marinaldo Responder

    Meu filho tem muito gosto pra isso…mas aqui em Conceição do Araguaia ainda não tem este projetos

Deixe seu comentário