PRF intensifica fiscalização na Operação Independência em rodovias do Pará

A operação iniciou na última sexta-feira (3), com reforço de policiais nas rodovias federais do estado. O objetivo é reduzir a violência no trânsito e combater outros crimes
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
PRF intensificou a fiscalização nas rodovias federais do Pará na Operação Independência

Continua depois da publicidade

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) intensificou a fiscalização nas rodovias federais do Pará dentro das ações da Operação Independência 2021, que começou na última sexta-feira (3) e seque até esta terça-feira (7). O objetivo é reduzir o número de acidentes de trânsito, devido ao aumento relevante do fluxo de veículos e de ônibus de passageiros nas rodovias federais.

Segundo a PRF, esse aumento de fluxo de veículo são fatores que contribuem para o aumento da violência no trânsito, podendo provocar elevação na quantidade de acidentes graves, feridos e mortos. Daí a necessidade de redobrar a fiscalização, para tentar evitar tragédias.

A operação está priorizando ações voltadas à segurança viária, prevenção e redução da gravidade dos acidentes de trânsito e à garantia da mobilidade nas rodovias do país. Está sendo dada atenção especial às ações de combate a embriaguez ao volante e fiscalização de ultrapassagens em trechos de pista simples.

O uso do cinto de segurança, do capacete, dos dispositivos de retenção para crianças e do uso de telefone celular, além de fiscalizações específicas de motocicletas e condições de conservação dos veículos, também estão entre os focos das equipes da PRF. Além da segurança do trânsito, as equipes também estão focadas no enfrentamento aos crimes que utilizam o modal rodoviário para serem praticados, como o contrabando, tráfico de drogas, assaltos, receptação de veículo roubado e porte ilegal de arma de fogo.

No caso do segurança do trânsito, a PRF recomenda aos motoristas algumas condutas para garantir uma viagem segura, como fazer a revisão do veículo antes de viajar, verificando principalmente pneus (inclusive o estepe), palhetas dos limpadores de para-brisa e itens de iluminação e sinalização. Outra dica, é que as pessoas que saem para passar o feriado em outro local planejem a viagem, lembrando de programar paradas em locais adequados para abastecimento, alimentação e descanso. O acostamento deve ser utilizado apenas para situações emergenciais.

As outras dicas, vitais para evitar tragédias, é jamais misturar a perigosa combinação álcool e volante; manter a atenção na rodovia: respeite a sinalização e os limites de velocidade, eles existem para proteger a sua vida; manter sempre os faróis ligados para que seu veículo fique mais visível aos demais condutores e pedestres; usar o cinto de segurança, que é obrigatório para todos os ocupantes do veículo; e, em caso de emergência e necessidade de apoio da PRF, ligue para o telefone de emergência 191.

Tina DeBord – com informações da PRF