Prefeitura no Pará oferece dinheiro para quem matar vira-latas e gera polêmica

Continua depois da publicidade

Há relatos de invasão de casas para roubar animais que têm dono. Prêmio é de R$ 5 por cada cachorro morto. Cidade virou um grande centro de caça aos cachorros.

imageUma forma de ganhar dinheiro está gerando polêmica em uma cidade no Pará. A prefeitura de Santa Cruz do Arari, na Ilha do Marajó, oferece dinheiro para quem capturar cães. A proposta gerou um alvoroço no município, resultando em invasões a casas para furtar os animais que têm proprietários. O caso foi parar na Delegacia de Meio ambiente do Pará.

Um morador gravou imagens de pessoas capturando cães nas ruas. Segundo ele, mais de 100 animais já foram mortos pela população local e outros 200 teriam sido levados para uma ilha onde foram abandonados sem água nem comida para que morressem com o tempo. Muitos corpos de cães estão aparecendo boiando em rios.

O extermínios de cachorros teria sido planejado pelo prefeito da cidade, Marcelo Pamplona. Em nota, a prefeitura disse que estimulou a captura dos animais por causa de ataques a população.

O diretor do Centro de Zoonoses de Belém, Altevir Lopes, disse que foi proposto para a população que pagaria R$ 5 por um cachorro e R$ 10 por uma cadela a quem entregasse os animais na prefeitura. “Isso criou pânico na cidade e roubaram cachorros que estavam dentro de quintais”.

A Delegacia de Meio Ambiente disse que enviou uma equipe até a cidade e que os responsáveis que furtarem os cachorros devem responder por maus tratos a animais, podendo ficar de 3 meses a 1 ano de prisão, porém podendo a pena ser revertida por serviço comunitário.

Ministério Público reage
O Ministério Público do Estado, através da Promotora de Justiça de Santa Cruz do Arari, Jeanne Maria Farias de Oliveira instaurou Inquérito Civil para apurar as graves notícias veiculadas na imprensa, onde foi amplamente denunciado extermínio de cães no município de Santa Cruz do Arari. Segundo as imagens divulgadas, cães estariam sendo capturados pelas ruas da cidade e sacrificados, o que configuraria, em tese, crueldade com animais, condutas descritas nas legislações vigentes e passiveis de responsabilização tanto civil quanto criminal.

A Promotora também requisitou junto a Delegacia Especializada de Meio Ambiente(DEMA) que instaure com urgência Inquérito Policial para apurar as graves denúncias, sendo que acompanhara o andamento do IPL até conclusão.

No Inquérito Civil instaurado na Promotoria de Santa Cruz do Arari a promotora Jeanne Oliveira irá realizar coleta de todas as imagens divulgadas na imprensa, ouvirá moradores locais e requisitará todas as perícias e diligências necessárias para elucidação das denúncias e responsabilização dos culpados.

7 comentários em “Prefeitura no Pará oferece dinheiro para quem matar vira-latas e gera polêmica

  1. Valtair evandro Responder

    Deveriam oferecer 5000 pra quem capturasse e exterminasse esses políticos canalhas. Eu não acredito nisso que estou lendo. Mas Deus vê tudo e esses “políticos” pagarão, com uma morte bem dolorosa e sofrida. Se Deus quiser.

  2. Guilherme Responder

    O que falta na verdade é vergonha de todos, inclusive das pessoas que permitem esses animais estarem nas ruas, aí incluídos os proprietários e todas as autoridades envolvidas , sejam elas federais, estaduais ou municipais! A questão é de saúde pública e com graves repercussões sanitárias!Nesse caso a questão política é a que menor importância tem! Ainda bem que o assunto veio à tona, para que possamos tentar resolver o problema que ocorre em todos os 144 municípios do estado.

  3. Cauan Piri Responder

    Aprovo a decisão do prefeito, corretissimo! A culpa de tudo isso são os pobres que além de fazerem filhos como ratos, ainda adotam cachorros e depois os deixam nas ruas. Cuidar de animais é para quem tem condições.

  4. Rosa Responder

    O único vira-lata que precisa ser caçado e cassado nas duas situações é este prefeito. A população deveria se mobilizar pra jogar este indivíduo fora. Pois ele foi eleito pra trabalhar em prol da população e não assassinar cães inocentes. Espero que este mesmo seja punido, e todos que lerem esta noticia se mobilizem pra que toda a mídia veicule os fatos e assim pressione para que se faça justiça.

Deixe seu comentário

Posts relacionados

%d blogueiros gostam disto: