Prefeitura de Parauapebas caça dono da “casa 6”

Quem é ele? Por onde anda? O que faz? Será que vai dar as caras? “Procura-se” do governo Darci diz que proprietário de imóvel da 15 de Novembro está em local incerto e não sabido.
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Imprimir

Continua depois da publicidade

O governo de Darci Lermen deu publicidade na edição desta terça-feira (3) do Diário Oficial da União (DOU) a uma curiosa busca por dono de imóvel (veja aqui). É uma espécie de “Procura-se” iniciado pelo coordenador de Projetos Especiais da Prefeitura de Parauapebas, Cleverland Araújo, para dar fluidez ao Programa de Saneamento Ambiental, Macrodrenagem e Recuperação de Igarapés e Margens do Rio Parauapebas (Prosap) que ele toma conta.

De acordo com o chamamento, o governo municipal aguarda o dono do imóvel de número 6 da Rua 15 de Novembro, no Bairro Rio Verde, para tratar de assunto do interesse dele. Essa pessoa, que a prefeitura diz que se encontra “em local incerto e não sabido”, tem até três dias úteis, ou seja, até quinta-feira, para dar as caras no escritório do Prosap, no terceiro andar do prédio da prefeitura.

Entre as tantas ações que constam do Prosap, haverá intervenção em áreas naturais de escoamento superficial que cortam a cidade, com obras de macrodrenagem no seu traçado original, bem como a retirada de imóveis que estão às margens de igarapés. Estudos preliminares indicam que deverão ser construídas e realizadas obras de manejo de águas pluviais em toda a área de intervenção do projeto.

A prefeitura acredita que, com a medida, serão percebidas melhorias na disponibilidade hídrica e, por conseguinte, na capacidade de abastecimento de água potável. A zona de intervenção terá parques, praças, novas vias e ciclovias para melhorar a mobilidade urbana e a utilização dos espaços públicos.

Relacionados