Parte dos vendedores detidos em Rio Maria testa positivo para Covid-19

Os vendedores estavam oferecendo produtos fisioterápicos de porta em porta na cidade. Os infectados eram oriundos de Ananindeua, na região metropolitana de Belém
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Em uma diligência para averiguar a denúncia de que vendedores autônomos estavam violando o isolamento social em Rio Maria, no sul do Pará, a Polícia Militar deteve 15 pessoas que estavam em uma Van. Eles foram submetidos a testes para a Covid-19, com quatro deles testando positivo.

De acordo com a Polícia Militar, uma guarnição foi informada na última quarta-feira (20) que uma Van estava circulando pela cidade com vendedores autônomos, que estavam indo de porta em porta oferecendo produtos fisioterápicos, violando a recomendação de isolamento social em prevenção ao novo coronavírus. Foi feita uma diligência, junto com a Vigilância Sanitária do município, e o veículo foi localizado.

Ainda de acordo com a polícia, os vendedores eram de diferentes cidades, boa parte do Estado do Piauí . Todos foram levados para realizar exames de testagem para a Covid-19 e quatro foram confirmados com a doença.

Segundo o sargento Silvio Costa, da Polícia Militar, os quatro diagnosticados com a enfermidade são da cidade de Ananindeua, na região metropolitana de Belém. Eles, assim como os outros vendedores, foram orientados a retornar para as suas cidades de origem.

A Vigilância Sanitária de Rio Maria também procurou as pessoas que tiveram contato com os vendedores, para serem testadas para a Covid-19. 

(Tina Santos)

Publicidade