Parauapebas: “Titula Parauapebas” faz plantão para atender moradores do Liberdade I

Os plantões de atendimento vão até esta quinta-feira (9), na quadra de esportes da Escola Jean Piaget, das 17h às 20h.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Moradores do Liberdade I iniciam processo para regularização de seus imóveis pelo “Titula Parauapebas”

Continua depois da publicidade

Para acelerar o processo de coleta de documentos, equipes do “Titula Parauapebas” trabalham em regime de plantão para atender os moradores do Bairro Liberdade I. A ação teve início na terça-feira (7) e segue até esta quinta-feira (9).

Os moradores que já receberam o convite podem procurar o atendimento na quadra de esportes da Escola Jean Piaget, das 17h às 20h. Os plantões de atendimento são destinados aos moradores do primeiro setor do Bairro Liberdade I, área que foi dividida em etapas para facilitar o processo de regularização de mais de 400 imóveis.

A ação é realizada pelo Programa de Saneamento Ambiental, Macrodrenagem e Recuperação de Igarapés e Margens do Rio Parauapebas (Prosap). Segundo a subcoordenadora social do Prosap, Eulalia Almeida, os moradores recebem orientação nas áreas social, urbanística e jurídica.

“É mais uma etapa do Titula Parauapebas e nós estamos com uma equipe capacitada. A equipe do Prosap, juntamente com outros profissionais da prefeitura, esta trabalhando para concluir mais essa etapa do processo de regularização fundiária da cidade”, enfatizou.

De acordo com a assistente social do Prosap, Vanessa Ineth, a parceria dos moradores tem sido fundamental para a realização dos procedimentos nessa nova etapa da Regularização Fundiária Urbana (Reurb) em Parauapebas. “As pessoas receberam um convite para entregar a documentação aqui na escola Jean Piaget. Nós pedimos que você, morador, que ainda não recebeu o seu convite e está nesse primeiro setor, aguarde a equipe, pois iremos até o seu imóvel. E você, morador, que recebeu, a gente pede que você venha para dar continuidade no seu processo”, frisou Vanessa.

Segundo a advogada Claudia Macedo Pinotti, que é consultora técnica da Urbe Amazônia, empresa responsável pelo levantamento técnico habitacional da cidade, a realização do Projeto “Titula Parauapebas” trará benefícios como o ordenamento territorial e a valorização urbana.  “É o projeto piloto que Parauapebas está fazendo com a Reurb Liberdade. Esse projeto é importante do ponto de vista interno na gestão, porque os servidores estão aprendendo como realizar os procedimentos, e é também importante à população do Liberdade, que terá a segurança jurídica com o títularização do seu imóvel”, avalia a advogada.

Tina DeBord- com informações da Ascom PMP