Parauapebas: Projeto Salvaguarda quer resgatar história do município

A iniciativa objetiva ampliar o acervo do Museu Municipal e manter viva a memória da Capital do Minério, por meio de doações de materiais que registrem a história do município
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Com o objetivo de manter viva a história do município e ampliar o acerco do Museu Municipal Hilmar Harry Kluck, a Prefeitura de Parauapebas lançou o Projeto Salvaguarda. Com o projeto, a intenção é captar objetos que possam fazer parte do acervo histórico, artístico, cultural, material e imaterial de Parauapebas, além de cuidar e restaurar bens que estão sendo deteriorados com seus proprietários por não ter o acondicionamento adequado.

Segundo a museóloga Bruna Antunes, a iniciativa também foi pensada justamente para que a comunidade local possa participar de forma colaborativa da construção do acervo histórico do município. “Essa ação se enquadra dentro da sociomuseologia, uma vez que convidamos a população a participar de forma ativa dessa construção da salvaguarda do patrimônio cultural da cidade”, frisa Bruna.

Ainda de acordo com ela, o governo municipal pretende construir um museu além do ponto de vista científico institucionalizado, sendo um museu representativo, que traz histórias locais a partir da visão dos próprios moradores, para que eles se vejam representados na instituição. “Eles [munícipes] nos ajudarão a contar a história de Parauapebas por meio dos objetos/artefatos doados”, acrescentou.

Bruna explica que livros, fotos, vídeos, roupas, folders, jornais, quadros, objetos artísticos, documentos e qualquer elemento que traga a história e cultura de Parauapebas em evidência podem ser doados. O museu já recebeu fotografias, livros, documentos, artefatos indígenas, troféus, crachás e até vídeos que já estão sendo divulgados em documentários e exposições.

As doações podem ser realizadas de segunda a sexta-feira, de 8h às 14h, na sede administrativa do Museu de Parauapebas, localizada na Rua E, nº 513, Cidade Nova, em frente a Praça de Eventos.

Tina DeBord- com informações da Ascom PMP