Parauapebas: Preso por violência doméstica, homem sai da cadeia e volta ameaçar matar ex-mulher

O acusado foi preso novamente, na manhã deste domingo (1º), por uma guarnição da Guarda Municipal, após ir à casa da ex-mulher e ameaçá-la de morte, caso não reatasse o relacionamento com ele
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Guarnição da GM prendeu o acusado em flagrante após as ameaças contra a ex-mulher

Continua depois da publicidade

Uma Guarnição da Guarda Municipal de Parauapebas (GMP) prendeu em flagrante, na manhã deste de domingo (1º), um homem acusado de ameaçar matar a ex-mulher, caso ela não reatasse o relacionamento com ele. O acusado já é reincidente na Lei Maria da Penha e saiu da prisão, na última sexta-feira (30), após ficar dois meses preso pelo crime.

De acordo com guarda municipal, Everaldo Estumano Vanzeler, sua guarnição foi acionada, por volta de 10h, por uma mulher, que informou que seu ex-marido, identificado como Carlito Lindra dos Anjos, esteve por volta de 9h em sua casa, localizada na Rua 20, no Bairro Cidade Jardim, e ameaçou matá-la, caso não voltasse com ele. A vítima contou que o ex-marido já a agrediu outras vezes e estava preso por violência doméstica contra ela.

Ainda segundo a mulher, assim que ele saiu da cadeia, na sexta-feira, já foi três vezes em sua casa e, hoje, fez ameaças, dizendo que ia matá-la. Ela informou que viu o acusado saindo de um bar, próximo à sua casa, e já apresentava sinais de embriaguez alcoólica.

Segundo o GM, a vítima ainda detalhou que seu ex-companheiro é usuário de droga. Diante dos fatos, o acusado foi preso e levado para 20ª Seccional Urbana, para os procedimentos cabíveis.

Tina DeBord