Parauapebas: Emater e prefeitura articulam parceria para beneficiar mulheres do campo

A ideia inicial é beneficiar pelo menos 1.500 agricultoras, com projetos de floricultura, paisagismo e artesanato, entre outras atividades
Parceria entre Emater e prefeitura busca potencializar empreendedorismo feminino no campo

Continua depois da publicidade

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater) e a Prefeitura de Parauapebas estão articulando uma parceria para promover o empreendedorismo feminino na zona rural. A ideia inicial é beneficiar pelo menos 1.500 agricultoras, com projetos de floricultura, paisagismo e artesanato, entre outras atividades.

A primeira reunião para troca de experiências e prospecção de potenciais ocorreu na semana passada, na sede do Escritório Regional das Ilhas da Emater, em Marituba, na região metropolitana de Belém. A equipe de Parauapebas conheceu um dos modelos possíveis, que é o bem sucedido Empório Sustentável, desenvolvido pelo Escritório Regional das Ilhas.

“As políticas públicas devem ser replicadas não no favorecimento de gênero, de raça, de cultura, mas na busca de igualdade. Aqui, na Emater, buscamos o empoderamento das lideranças femininas e da capacitação socioeconômica das mulheres”, resume a supervisora-adjunta do Escritório Regional das Ilhas da Emater, a engenheira agrônoma Katharine Batista.

Em Parauapebas, a Emater atende regularmente a cerca de 400 famílias – 30% dessas são chefiadas por mulheres. A principal atividade da agricultura familiar é pecuária leiteira.

Uma das comunidades rurais em que o empreendedorismo feminino emerge no município é no Cedere, onde 12 famílias têm se destacado com avicultura. Para o engenheiro agrônomo Raimundo de Sá Júnior, o município possui outras potencialidades, onde as mulheres podem se destacar ainda mais.

“Existe um potencial muito grande para o trabalho das mulheres no campo, sobretudo em novos mercados e novas tecnologias de criação de pequenos animais e mandiocultura”, aponta o engenheiro.

Tina DeBord- com informações da Emater