Operador de máquinas pesadas morre em acidente na Faruk Salmen

Até o momento ninguém sabe a que horas e como foi o acidente em que o homem, de 40 anos, perdeu a vida
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O operador de máquinas pesadas Reginaldo de Andrade Silva, 40 anos, natural de Tucuruí, morreu na madrugada deste sábado (3), em acidente na Rodovia Faruk Salmen, em frente à entrada do bairro Nova Vitória, em Parauapebas.  Ele pilotava a motocicleta Honda CG 150, Titan, KS, cor preta, placa JUY-558/Parauapebas-PA, em cujo tanque de combustível há a frase “Luto eterno”.

A hora e o modo como o acidente aconteceu ainda são desconhecidos, embora a Polícia Civil suponha que pode ter ocorrido entre 2h e 3h. Imagens de câmeras de vigilância das proximidades, se houver alguma, poderão ajudar a elucidar a fatalidade, que ocorreu em frente a uma das entradas do Bairro Nova Vitória.

Reginaldo Andrade, que morava na Vila Palmares, não havia dormido em casa e só pela manhã a família soube que ele havia morrido. Uma irmã dele ligou para uma amiga que esteve na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil e tomou conhecimento da tragédia.

De acordo com os primeiros levantamentos, realizados no local, Reginaldo não usava capacete e também não estaria alcoolizado, uma vez que o corpo dele, segundo o pessoal do IML, que participou da remoção, não exalava odor de bebida alcoólica.

(Caetano Silva)