Nova Ipixuna vai pagar mais de R$ 1,2 milhão por publicação de atos oficiais

As publicações no Diário Oficial da União vão custar até R$ 513 mil e as no Diário Oficial do Estado, cerca de R$ 712 mil. Prefeitura diz que medida atende “necessidades administrativas”.
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on print

Continua depois da publicidade

No próximo dia 19, será realizado um pregão presencial por meio do qual o governo de Nova Ipixuna vai contratar uma empresa responsável por serviços de publicação de atos oficiais no Diário Oficial do Estado do Pará (Doepa) e no Diário Oficial da União (DOU). A ideia de gastar os R$ 1.225.000,00, segundo a prefeitura local, atende necessidades das diversas unidades administrativas do município. O governo acredita que assim será mais fácil ter controle de publicações relativas a licitações, contratos e processos administrativos no âmbito do Poder Executivo.

O edital do certame folheado pelo Blog do Zé Dudu revela que a prefeitura está disposta a pagar até aproximadamente R$ 712 mil por 7.000 publicações do Diário do Estado, cada uma ao custo de R$ 101,67. Já as 7.000 publicações no DOU, R$ 73,33 por peça, totalizam R$ 513 mil. Vale destacar que o custo da publicidade de atos oficiais é pouco inferior à despesa com merenda escolar, de R$ 1,78 milhão.

Com essa licitação, a Prefeitura de Nova Ipixuna já chega a R$ 13 milhões em processos abertos apenas este ano para contratação de serviços e fornecimento de itens diversos. Esse valor corresponde a 25% da arrecadação local. E quem paga a conta é o contribuinte.

Publicidade