Morre segunda vítima de avanço de sinal no Bairro Cidade Jardim

O acidente aconteceu no dia 22 de setembro, no cruzamento da Rodovia PA-160 com a Rua G, quando uma motocicleta, que trafegava em alta velocidade, foi colhida por um caminhão-baú
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Morreu na madrugada de sábado (2), no Hospital Geral de Parauapebas, Esteferson da Silva Rodrigues, de 34 anos. Ele estava internado desde o dia 22 de setembro passado, quando foi vítima de acidente de trânsito no cruzamento da Avenida G com a Rodovia PA-160, no Bairro Cidade Jardim. Na ocasião, Jefferson Azevedo, 32, envolvido no mesmo acidente, morreu no local.

Dirigido pelo motorista João Robson Nascimento Ferreira Júnior, o caminhão VW, cor azul, placas JFP9F04, trafegava pela PA-160, no sentido Canaã dos Carajás-Parauapebas, quando, no cruzamento com a Rua G, a motocicleta Honda Pop, cor preta, placa NHE-5193, que trafegava em alta velocidade, avançou o sinal vermelho e foi colhida pelo veículo pesado.

João Robson parou mais adiante e correu em socorro aos ocupantes da moto, que se arrastavam pelo asfalto muito feridos. O motorista ligou para o Samu, que chegou minutos depois e levou para o Pronto Socorro o homem que estava na garupa.

Enquanto isso, o piloto da moto, Jefferson Azevedo, se arrastou até o meio-fio, onde sentou e encostou a cabeça em um tapume, murmurando “minha perna”. Segundo João Robson, a perna direita do homem virou para trás. Quando a ambulância do Samu retornou para apanhá-lo, constatou que ele havia acabado de morrer, ali mesmo.

Esteferson Rodrigues morreu por volta das 22h de sábado (2), porém o corpo, até ontem, domingo (3), ainda se encontrava na Câmara fria do IML, por falta de médico legista, e só será liberado para família nesta segunda-feira (4).

(Caetano Silva)