Marabá

Marabá é bicampeã do Miss Pará, agora com Ponnyk Torres

Os atributos de Ponnyk Torres encantaram o júri do Miss Pará Be Emotion 2018 e na noite deste sábado, 21, a marabaense foi eleita a mais bela entre as 22 candidatas do certame de beleza. O evento no Teatro Margarida Schivazappa, do Centur, em Belém, contou com transmissão ao vivo pela Internet. Fablina Paixão, também de Marabá, já havia sido eleita em 2016 a Miss Pará

Ponnyk Torres, de 26 anos e 1.76 de altura e é formada em engenharia civil, exímia nadadora, sendo filha de família tradicional de Marabá.

Quem assistiu ao concurso, com certeza, pôde testemunhar que os jurados tiveram dificuldade para eleger a soberana da beleza paraense. Das 23 candidatas, cinco brigaram pela coroa, mas a vitória foi para Marabá. Na classificação final, o quinto lugar foi para Camila Abreu, 21 anos, 1.70, representante do município de Moju. O quarto ficou com Gisele Rodrigues, 26 anos, 1.79, Miss Ananindeua. O terceiro para Shanti Devi, 24 anos, 1.74, candidata de Belém, e por fim, o segundo lugar para Kauane Nava, 21 anos, 1.82, representante de Barcarena.

Ponnik recebeu a faixa das mãos da Miss Brasil 2017, a modelo piauiense Monalysa Alcântara, eleita uma das 10 mulheres mais belas do universo no ano passado. E a coroa da modelo Stefany Figueiredo, Miss Pará Be Emotion 2017.

A noite foi muito mais que especial e o concurso deste ano, homenageou um dos grandes nomes da música brasileira: Nelson Gonçalves, que neste abril comemorou 20 anos de falecimento. Na ocasião, as empresárias Lilian e Margarete Gonçalves, filhas do cantor, receberam de Herculano Silva, coordenador do concurso há mais de 40 anos, um troféu como agradecimento à contribuição de Nelson para a cultura brasileira, em especial à paraense.

As misses ficaram confinadas durante uma semana no Hotel Atrium Quinta de Pedras, um dos mais luxuosos da capital, onde passaram por aulas de etiqueta, passarela e postura. Este ano, em especial, 22 municípios paraenses, mais a capital, Belém, foram representados por belas e talentosas mulheres, que disputaram a coroa e a faixa de Miss Pará.

Confeccionada pela estilista goiana Gabriela Tano e orçada em R$ 15 mil, coroa foi inspirada nos cocares da tribo caiapó. Além dela, Ponnyk recebeu um carro O KM, e o passaporte para representar o estado no Miss Brasil, a ocorrer no mês de maio, no Rio de Janeiro.

Ponnik 5

Deixe seu comentário