Jovem de 18 anos morre em acidente com moto conduzida pelo pai

O homem tentou ultrapassar um caminhão basculante para não ser fechado pelo condutor do veículo pesado, mas foi exatamente o que aconteceu
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Jardson Carvalho Santos, 18 anos de idade, natural de Rosário (MA), morreu vítima de acidente de trânsito, quando a motocicleta em que ele era transportado pelo pai, Francildo Silva Santos, foi arrastada por um caminhão basculante. A fatalidade aconteceu por volta das 16h de ontem, sexta-feira (18), na Rodovia PA-275, à altura do Bairro Novo Brasil, em Parauapebas.

De acordo com informações levantadas no local da tragédia, Francildo Santos trafegava, com o filho na garupa, pela PA- 275, ao retornar de um hipermercado, quando, nas proximidades da ponte que divide os bairros Novo Brasil e Cidade Jardim, à altura do cruzamento das rodovias estaduais 275 e 160, um basculante bateu na motocicleta Honda CG Titan 160cc, cor preta, placa QER-2494/Parauapebas-PA, e saiu arrastando o veículo e seus ocupantes por vários metros.

Testemunhas informaram ainda que o motorista da caçamba só parou muito depois do local do acidente, ao ser avisado por outro condutor, mas não deu importância ao fato, seguindo sem retornar para socorrer as vítimas.

Um agente do Corpo de Bombeiros contou que estava se deslocando até uma ocorrência de vistoria, quando se deparou com a situação e, de imediato, parou para realizar os primeiros atendimentos.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local e tentou reanimar o jovem, mas sem sucesso, instante em que confirmou que Jardson Santos já estava morto.

Familiares e amigos do jovem contaram que ele estava em Parauapebas havia cerca de dois meses, para onde veio em busca de trabalho. No momento do acidente, ele estava retornando, com o pai, de uma empresa, onde foi assinar sua demissão, para começar em outra empresa, uma vez que estava sendo contratado para começar na próxima semana.

Pai do jovem conta como foi o acidente

Na delegacia Francildo Silva Santos contou, em depoimento, que conduzia a motocicleta pelo lado direito da Rodovia PA-275, e, nas proximidades da ponte do igarapé Ilha do Coco, foi alertado pelo filho Jardson, de que a caçamba que seguia no mesmo sentido, pela faixa da esquerda, passou para a faixa da direita, a mesma em que seguia a motocicleta.

Com os dois veículos muito próximos, ainda de acordo com o depoimento de Francildo, temendo ser fechado pelo basculante, ele tentou ultrapassar o veículo pesado, mas acabou sendo arrastado pelo caminhão, cuja placa não foi identificada até o momento, assim como o condutor. Jardson Sofreu traumatismo craniano e Francildo saiu do acidente com várias escoriações, mas não precisou ser hospitalizado.

ATUALIZAÇÃO

O condutor do basculante que se envolveu no acidente Marcone da Silva de Oliveira, 39 anos, natural de Barra do Corda (MA), se apresentou na tarde deste sábado, na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil, na companhia de duas advogadas, para responder a interrogatório acerca do caso.

Ele disse que trabalha no caminhão basculante placas CFM-7177/PA e que, na hora do acidente, não percebeu o que aconteceu, sendo informado por um motociclista. Afirmou que entrou em desespero e ligou para a Polícia Militar, mas a ligação caiu na PM de Marabá, sendo aconselhado para ligar ao Samu. Depois, se dirigiu à empresa para a qual trabalha, onde guardou o veículo. Após prestar depoimento, o condutor foi liberado. (Atualizada às 17h47)

(Caetano Silva)