Interiorização do marketing foi decisivo para a reeleição de Simão Jatene.

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on print

Continua depois da publicidade

10689766_10204707960889630_5520822782153465844_nAvaliando o ano politico eleitoral de 2014, onde escolhemos presidente, governadores, senadores e deputados estaduais e federais, podemos concluir que, aqui no Pará, de um lado estavam Dilma, Lula, Jader e Helder Barbalho, do outro o governador Simão Jatene, e que no jogo das conquistas e vendas de ideias entre os publicitários (do lado de Simão Jatene Orly Bezerra e equipe (todos paraenses), e do outro o baiano André Torreta e sua equipe).

Um fator importante para a campanha da reeleição do governador Simão Jatene (PSDB), no Estado do Pará, foi à interiorização de sua equipe de marketing, que trabalhou de forma regionalizada suas estratégias de publicidade, com spots publicitários dirigidos exclusivamente aos interesses dos eleitores, subdivididos por ideologias de separatismo aceso pelo candidato pemedebista.

Neste caso, o publicitário Orly Bezerra, contou com o apoio de grandes profissionais que integraram a campanha nas regiões do Carajás e Tapajós. Aqui no Sul e Sudeste, o publicitário político Miller D’Oliveira (foto) que atua na cidade de Xinguara, foi o grande facilitador de ideias, para a campanha desde o primeiro turno.

O publicitário, bem conhecido e com várias campanhas vitoriosas junto ao grupo do PSDB/Pará, fez a ponte de ligação e a verticalização de ideologias serem aceitas na grande região metropolitana (RMB) e nas demais cidades do Estado, facilitando a convergência de agregação suficiente para a vitória em segundo turno.

Publicidade