Identificado corpo encontrado em represa na última quarta-feira

Tratava-se de um adolescente de 17 anos, cujo pai reconheceu pelas fotos divulgadas em redes sociais
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Foi identificado, nesta segunda-feira (3), como de Wesley Braz da Silva, de 17 anos de idade, o corpo encontrado boiando nas águas de uma represa, às margens da rodovia PA-160, à altura do Bairro Amazonas, em Parauapebas, na última quarta-feira (31). Ele estava desaparecido desde o dia 29, quando foi visto pela última vez pelo pai, a quem ajudava em um salão de barbeiro.

O jovem, que morava no Bairro Amazonas, foi assassinado com 16 perfurações feitas a faca: oito no abdômen, seis nas costas e duas no rosto. Elson Cleiton, pai do adolescente, disse na delegacia que reconheceu o corpo do filho pelas fotos divulgadas nas redes sociais e pela calça que ele usava. O homem contou que o rapaz era dependente químico, mas era um bom filho, trabalhador, amoroso e respeitador.

Informações repassadas à Polícia Civil dão conta de que dias atrás o jovem teve sua moto furtada e encontrada logo, tendo ele identificado os autores do furto e os denunciado à polícia, o que teria provocado ódio e desejo de vingança nos ladrões. Outra hipótese e que Wesley tenha sido vítima de algum traficante.

(Caetano Silva)

Publicidade