Homem que matou outro no domingo com paulada na cabeça se apresenta à Polícia Civil

Ele se apresentou acompanhado de seu advogado, alegou legítima defesa e vai responder ao processo em liberdade
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Altieres Barbosa Patrício, 32 de idade, se apresentou à Polícia Civil manhã de ontem, segunda-feira (31), acompanhado de um advogado. Ele é o autor do crime de homicídio cuja vítima foi o vendedor ambulante Adelson da Silva Oliveira, 38 anos de idade. O assassinato ocorreu na tarde do último domingo (29), na casa da futura sogra do réu confesso, Sara Oliveira da Silva, na Rua Safira, Bairro Montes Claros, em Parauapebas.

Ao lado do advogado, Altieres Patrício, que matou Adelson com uma pancada na cabeça, aplicada com um cabo de enxada, alegou legítima defesa, pois, a vítima teria atentado contra a vida de sua namorada, Elizamar Oliveira, de 21 anos, que está grávida. Ele vai responder ao processo em liberdade.

A confusão que terminou no assassinato começou quando Adelson e Sara chegaram em casa, de um banho de rio, por volta das 13h30 de domingo. Já embriagado, segundo a mulher, ele passou a ameaçá-la e quebrar tudo dentro do imóvel.

Em seguida tentou agredir também Elizamar, que pediu socorro ao namorado. Quando Altieres Patrício chegou, colocou Adelson Oliveira para fora da casa. Não conformado, o homem se armou com duas facas e partiu para cima de Elizamar, momento em que o namorado dela, armado de enxada, aplicou uma paulada na cabeça do agressor, que morreu minutos depois.

(Caetano Silva)

Publicidade