Filha morre em acidente com moto e mãe está internada em hospital em estado grave

Mais uma tragédia acontece em Parauapebas, envolvendo menor na condução de veículo automotor e avanço de preferencial
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Continua internada no Hospital Geral de Parauapebas, em estado grave, Sidneide Gonçalves Sena Soares, 34 anos. Em acidente de trânsito ocorrido na tarde de ontem, sábado (10), por volta das 14h30, ela fraturou as duas pernas. A filha da mulher, Kelly Kauany Silva, 16, morreu em consequência do mesmo acidente.

A moto Honda Biz, cor vermelha, placa QEH-4950/Parauapebas (PA), pilotada por Kelly, que levava a mãe na garupa, de acordo com testemunhas, trafegava pela Rua 24 de Março e, ao chegar à esquina da Rua Fortaleza, avançou a preferencial e foi colhida pela camionete Toyota, Hilux, placa PSE-5G34-Parauapebas-(PA), conduzida pelo motorista Maicon Gomes de Oliveira, 23.

Com o choque, ainda conforme pessoas que viram o acidente, que aconteceu no Bairro Rio Verde, a adolescente foi lançada para o alto, bateu na parede de um prédio e caiu na calçada. Já a mãe dela foi arremessada ao chão.

Logo após o acidente, uma ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) esteve no local. Os socorristas ainda tentaram reanimar Kelly, mas os esforços foram em vão. A garota morreu logo em seguida devido ao forte baque no crânio. Sidineide foi removida ao Hospital Municipal, mas com o agravamento de seu estado de saúde, teve de ser transferida para o Hospital Geral de Parauapebas.

O condutor da camionete, Maicon Gomes de Oliveira, permaneceu no local do acidente enquanto as vítimas eram atendidas. Com a chegada de uma guarnição da Polícia Militar, ele se apresentou espontaneamente aos policiais e foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil, onde prestou declarações e depois foi liberado.

O Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT), recolheu os dois veículos envolvidos no acidente para perícia. O corpo de Kelly Kauany foi removido para necropsia pelo Instituto Médico Legal.

(Caetano Silva)