Parauapebas

ESTRADA DE FERRO CARAJÁS

  A Estrada de Ferro Carajás começou a operar em janeiro de 1986. O tráfego de passageiros, no entanto, foi aberto somente dois meses e meio depois: em 17 de …

parauapebas081 

A Estrada de Ferro Carajás começou a operar em janeiro de 1986. O tráfego de passageiros, no entanto, foi aberto somente dois meses e meio depois: em 17 de março de 1986, um trem percorreu 540 km de Pequiá, em Açailandia, a São Luís, inaugurando o transporte de passageiros na linha.

Logo em seguida, o transporte foi estendido até Parauapebas, que não é o ponto final da linha, este sim no km 892, mas o é para os passageiros. Daí para a frente, somente minério. O trem percorre a linha três vezes por semana, indo num dia e voltando no seguinte.

A ESTAÇÃO: A estação de Parauapebas foi inaugurada em 1986, como estação terminal da linha-tronco da Estrada de Ferro Carajás, da Vale do Rio Doce.

Na verdade a linha continua até Carajás, onde estão as minas; o tráfego de passageiros para, no entanto, alguns quilômetros antes, na cidade de Parauapebas.

Com trens de passageiros três vezes por semana, a estação tem grande movimento. Segundo Marcelo Braganceiro, em dezembro de 2008, o trem sai de Parauapebas as seis da manhã, chegando em São Luiz às 22h, e a estação localiza-se um pouco distante do centro da cidade, mas existem ônibus e vans que fazem o trajeto regularmente.

A passagem deve ser comprada com antecedência de pelo menos um dia, devido ao grande fluxo e procura. O passageiro poderá adquirir seu bilhete diretamente no guichê da ferroviária, no horário das oito da manha ao meio dia. Também pode-se compra-lo na estação rodoviária de Parauapebas.

Texto:Estações Ferroviárias do Brasil

2 comentários em “ESTRADA DE FERRO CARAJÁS

  1. sergio dos espiritosantos ribeiro Responder

    eu quero viaja de trem para paraopebas dia 4 de dezenbro de 2009.

Deixe seu comentário