Em Altamira a Polícia Civil investiga ocultação de cadáveres

Os corpos, enterrados em cova rasa no quintal de uma casa no Bairro Bela Vista, foram encontrados a partir de denúncia anônima
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on print

Continua depois da publicidade

O delegado Fernando Marcolino, da Divisão de Homicídios da Polícia Civil em Altamira, investiga um caso de ocultação de cadáveres. Nesta semana dois corpos foram localizados no quintal de uma casa, no Bairro Bela Vista, de onde uma equipe de peritos do Centro de Perícias Renato Chaves removeu os restos mortais para exames.

O primeiro cadáver foi encontrado na quarta-feira (11) e é de um dependente químico identificado como Luís Carlos Calixto Barros, de 43 anos. Ele era considerado desaparecido havia sete meses, quando, misteriosamente, sumiu do bairro. Os restos mortais dele estavam em uma cova rasa, com sinais de mutilação.

O delegado disse à Imprensa que a Polícia Civil recebeu denúncia anônima sobre a possibilidade de o corpo de Calixto estar enterrado no quintal da casa. Um suspeito foi preso no endereço. “Essa pessoa confessou a existência do corpo e contou como teria ocultado o cadáver”. A identidade do acusado não foi divulgada. Ele irá responder pelo crime de ocultação de cadáver.

Na quinta-feira (12), um segundo cadáver foi encontrado no mesmo endereço. Até o momento não houve identificação da vítima.

(Antonio Barroso)

Publicidade