Deputado Wandenkolk Gonçalves comenta postagem do Blog

Deputado federal Wandenkolk Gonçalves, do PSDB do Pará envia comentário sobre postagem que cita a exclusão de certas figuras políticas que se empenharam no processo que culminou com a assinatura …

Deputado federal Wandenkolk Gonçalves, do PSDB do Pará envia comentário sobre postagem que cita a exclusão de certas figuras políticas que se empenharam no processo que culminou com a assinatura de convênio entre PMP/Vale/UFPA, que coloca Parauapebas como polo da referida universidade, dentre eles os deputados federais Puty, Wandenkolk e Giovanne Queiroz, os estaduais Milton Zimmer e Bernadete ten Caten e os vereadores Faisal Salmen e Euzébio Rodrigues. Acompanhe o que diz o nobre deputado federal:

“Leio regularmente o seu blog e aprecio bastante sua forma de dar as notícias, com seriedade e isenção. De fato, eu estranhei um pouco o fato de eu e outros políticos que tanto lutaram pela educação em Parauapebas termos sido excluídos da solenidade de assinatura do convênio UFPa/Vale/PMP, mas não guardo mágoas. Acho que é até previsível que tenha ocorrido assim. O importante é o resultado, que tanto beneficiou nosso município. Tenho bem marcado, em minha consciência, o fato de que trabalhei muito para esse resultado, que apoiei a luta dos estudantes de Parauapebas para ter o campus da UFPa; que os recebi em Brasília na luta pela Unifesspa e que me mobilizei muito para que o Prise da UEPA voltasse ao município.

Por outro lado, não é porque não guardo mágoas que deixarei de fazer o meu trabalho e o que se espera de mim. Vou averiguar se os recursos da Vale foram moeda de troca e qual é a contrapartida da Prefeitura. Não farei isso por qualquer espírito de revanche, mas porque é necessário e importante saber quais são as bases do convênio e com o que exatamente estamos lidando. Repito: não tenho espírito de vingança nem fico remoendo mágoas, pois isso não faz parte da atitude de um homem público que preza sua dignidade. Garanto-lhe, meu caro Zé Dudu, que nao estou preocupado com a proxima eleição, mas com a próxima geração!

Um abraço do seu leitor,
Wandenkolk Gonçalves”

5 comentários em “Deputado Wandenkolk Gonçalves comenta postagem do Blog

  1. Jorge Clésio Responder

    Bela colocação do deputado…

    Que suas atitudes sejam de acordo suas palavras, pois no meu ponto de vista, foi inteligente.

    Já pensou se todos os políticos pensassem assim como ele disso no final, “Não estou preocupado com a próxima eleição e sim com a próxima geração.” isso foi muito sábio, sabe-se que agindo assim a próxima eleição está ganha.

  2. Vicente Reis Responder

    Já que o assunto veio a tona, nobre deputado, permita-me ajudar em seu trabalho de fiscalização:

    Esse convênio é absolutamente vergonhoso para o nosso município. E já lhe digo o porque:

    Primeiro, o convênio é para instalação de um pólo universitário e não de um Campus, como vem sendo veiculado (inclusive pelo senhor). A grande diferença é que o Campus é realmente uma extensão da Universidade no interior, enquanto que o pólo é como uma extensão desse campus. O Campus tem independência administrativa; os polos não.

    O Campus que temos é o de Marabá e é por ele que as ações que serão guiadas. Veja bem: o polo de Parauapebas vai abrigar cursos de menor expressão da universidade e somente de acordo com a demanda que puder ser atendida por Marabá. Os professores, que já têm sua grade preenchida em Marabá, virão para cá, a peso de diárias, QUANDO DER, ministrar cursos intervalares, ou seja, O QUE NÓS JÁ TEMOS AQUI, há muito tempo e sem precisar desse carnaval todo.

    Pior: para instalação de um polo, não há a MENOR NECESSIDADE de doar o CEUP, um prédio que ocupa uma quadra inteira, em área nobre da cidade, que vale milhões. Quer instalar um polo? Tira a UNAMA de lá, que é PARTICULAR e obviamente tem que arcar com os seus próprios custos (e não o faz, um “presentinho” dessa administração para os ‘pobres’ donos da UNAMA). Isso é dilapidação do patrimônio público, gente! O CEUP é um prédio que tem história com essa cidade e não é possível que isso seja aceito! Alô Legislativo! É preciso maioria absoluta na Câmara para formalizar essa doação. Mexam-se em defesa do patrimônio municipal!

    Os dois cursos que virão, de maior expressão, Contábeis e Direito, serão comprados (até aí, normal). Mas com essa turma aí no poder, é uma coisa de mãe mesmo fazer negócio com Parauapebas: o município vai comprar cursos e DAR um prédio. Em qualquer outro lugar, se vc comprar, vc ganha coisas, aqui não.. vc compra e DÁ coisas!

    Vejam bem. Minha indignação vem do fato de Parauapebas, com os recursos que tem, não precisa de migalhas, não. Tem dinheiro e cacife político (ou deveria ter) para bancar a municipalização do ensino público superior, ENQUANTO consegue verdadeiras vitórias e não agrados. Não é para ser contra a UNIFESSPA, mas eu quero a UNIFESSPA, a UFRA, a UEPA (essa é com o senhor, não?)… por mim, teria uma universidade para cada um aqui.. rs

    O pior é trabalhar com informaçãoes falsas, enganosas, com o propósito claro de obtenção de dividendos políticos (esse é o ano das “conquistas”, aparentemente), tentando utilizar o movimento estudantil como massa de manobra para dar legitimidade a uma série de políticas equivocadas na área da educação (vindo de um Governo cheio de professores).

    Pior de tudo é ver a Vale entrar nesse circo. 20 milhões para construir um polo universitário? Eu mesmo vou ligar para o Guinness.. esse será, com certeza o mais caro do mundo. Tão sem serviço aí? Arrumo já, já, uma trouxa de roupa pra vcs lavarem aí em Carajás. É brincadeira, viu? affe!

    Quer fiscalizar,companheiro? Aqui tem bastante trabalho! AUDIÊNCIA PÚBLICA, JÁ!!!

  3. José Luis Responder

    Serão os R$ 20.000.000,00 da Vale + 12.000.000,00 de emendas da Câmara + o valor do CEUP, ou seja, aproximadamente R$ 40.000.000,00 de Reais investidos em um engodo . . . . O Reitor enche a boca para falar de um Campus, mas sabemos inclusive ele sabe que isso não vai ser um Campus, pois a UFRA já possui um Campus cadastrado no MEC em Parauapebas . . . Na pagina do MEC/Expansão, não consta um único servidor para Parauapebas para UFPA . . . Não passa de uma grande mentira como a escola agrotécnica da Vale (Estação Conhecimento), procurem também no site do MEC a relação de escolas agrotécnicas reconhecidas e vejam se a encontram . .

  4. eder Brasília Responder

    Parabéns deputado, o bom seria que todos fossem assim, fazer sem esperar algo em troca (voto), pois na verdade a maioria dos políticos ou parlamentares eleito, estão apenas usando recursos do contribuinte em prol de si msmo, ou seja dinheiro de todo cidadão que trabalha, onerados em altos impostos até no pão e leite que toma de manhã, dinheiro que na prática deveria retornar em saúde, educação, segurança, transporte, saneamento e outras básicos para a população.

Deixe seu comentário