Cursinho popular vai beneficiar 150 estudantes em Marabá

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Logo_Emancipa (1)

A Rede Emancipa, que mantém cursinhos populares de acesso a universidades em vários estados do País, estará com as inscrições abertas para suas quatro turmas em Marabá, no período de 18 a 22 de janeiro de 2016. As aulas terão início em 13 de fevereiro, aos sábados (manhã e tarde) e domingos (manhã).

Serão ofertadas 150 vagas, sendo 75 para alunos que estejam cursando (ou cursarão) o terceiro ano do ensino médio em 2016, e 75 vagas para alunos que já concluíram o ensino médio, desde que, em ambos os casos, sejam alunos ou ex-alunos de escolas públicas.

As inscrições serão presenciais: o interessado deve ir ao ponto de apoio instalado no Tapiri do Campus I da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa), localizado na Folha 31, Quadra 07, Lote Especial, bairro Nova Marabá, no horário de 08h às 20h, de 18 a 22 de janeiro. Para se inscrever, o interessado deverá comparecer pessoalmente, apresentar RG (ou carteira estudantil) e comprovante de que está cursando (ou cursará) o terceiro ano do ensino médio no ano de 2016, ou que já o tenha concluído.

Caso o número de interessados exceda o de vagas, os alunos serão selecionados por meio de um sorteio eletrônico, a ser realizado logo após o encerramento das inscrições. A relação com os sorteados será publicada no endereço eletrônico http://www.emancipamaraba.blogspot.com.br/, e as comunicações serão feitas pelas redes sociais, por e-mail ou telefone.

Para garantir a vaga, o aluno sorteado deverá comparecer à aula inaugural em 13 de fevereiro, pela manhã, para finalizar o processo de admissão e receber as orientações iniciais.

Rede Emancipa

É um movimento social de educação popular composto por cursinhos pré-vestibulares em vários estados brasileiros. O objetivo principal do Emancipa é a luta pelo direito à universidade para todos, em especial a estudantes da escola pública. Em Marabá, o projeto funciona no campus I da Unifesspa desde 2012 e oferece aulas de todas as disciplinas exigidas pelo Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), exceto língua estrangeira.