Cooperativa de Parauapebas recebe R$ 761 mil da União em patrocínio cultural

Centro Mulheres de Barro vai tocar exposição e educação patrimonial na região de Carajás. O espaço desenvolve trabalhos para valorizar patrimônio histórico, artístico, cultural e artesanal.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A Secretaria Nacional de Fomento e Incentivo à Cultura, braço do Ministério do Turismo, vai patrocinar um projeto do Centro Mulheres de Barro, de Parauapebas. Nesta terça-feira (15), a pasta publicou uma portaria no Diário Oficial da União (DOU) anunciando a aprovação de R$ 761.915,00 à Cooperativa dos Artesãos da Região de Carajás para a manutenção da exposição “Centro Mulheres de Barro de Exposição e Educação Patrimonial da Serra dos Carajás, Microrregião de Parauapebas”. As informações foram levantadas pelo Blog do Zé Dudu.

De acordo com a Cooperativa, serão realizadas ações gratuitas de difusão, educação cultural para fomento de pesquisa, preservação e formação de público para o patrimônio artístico, arqueológico e cultural da Serra dos Carajás, abordando o histórico artístico-arqueológico, cultural e mineral da região, com peças de artesanato cerâmico produzidas por artesãs, com base em artefatos, decoração e procedimentos milenares salvaguardados na microrregião de Parauapebas.

O projeto contará, também, com ações educativas de iniciação às artes visuais para crianças, à artesania cerâmica para jovens e adultos, aos encontros dos saberes com mestres. Como contrapartida social ao recebimento do apoio financeiro, o projeto realizará oficinas de artes cênicas de incentivo à leitura para crianças.

Sobre o Centro

O Centro Mulheres de Barro desenvolve ações para valorização do patrimônio histórico e cultural da região de Carajás e para o fortalecimento da atividade artesanal, com produção, venda e divulgação de produtos cerâmicos inspirados em artefatos encontrados em pesquisas arqueológicas. O espaço oferece área de preparo de argila, sala para queima das peças com forno a gás, sala para preparo de formas, espaço para convivência, salão para exposição, loja para comercialização dos produtos e ateliê com espaço para capacitações e um pequeno escritório.

Publicidade