Pará

Comissão de Direitos Humanos da Alepa vai apurar massacre de Altamira

Após reunião amanhã, em Belém, com os principais responsáveis pelo Sistema Prisional, a Comissão segue para Altamira, onde aconteceu a carnificina da segunda-feira passada

Nesta quinta-feira (1º de agosto), às 9h, na sala VIP da Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa), a Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Casa, presidida pelo deputado Carlos Bordalo (PT), realizará reunião de apuração sobre o massacre que resultou na morte de 57 pessoas no Centro de Recuperação Regional de Altamira (CRRA), ocorrido na última segunda-feira (29).

A reunião será com representantes da Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará (Susipe) e Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Segup). Membros do Conselho Penitenciário do Estado do Pará (Copen) e do Comitê Estadual de Prevenção e combate a tortura (CEPCT) foram convidados a participarem.

O objetivo da reunião é tomar conhecimento sobre as condições em que se encontravam as pessoas custodiadas. Na sexta-feira (2) a Comissão segue para Altamira para averiguar as falhas de segurança que contribuíram para ocorrer o confronto entre as facções rivais, verificar quais acompanhamentos foram oferecidos às famílias das vítimas mortas e a situação prisional dos detentos em condição provisória. O CRRA tem capacidade para receber 208 presos, mas abrigava 311, destes 145 são presos provisórios, aguardam julgamento.

(Fonte: Alepa)

Deixe seu comentário