Cidade do Pará lança BD sobre abusos sexuais Através da história, as crianças aprendem a proteger-se dos pedófilos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Por Domingos Grilo Serrinha –  Abaetetuba

Na luta contra o abuso sexual de crianças, um drama que assume proporções alarmantes em regiões do norte e do nordeste do Brasil, uma cidade do estado do Pará, na região amazónica, encontrou uma forma divertida e eficaz de alertar as crianças de uma maneira que elas entendem para se protegerem contra a ação de pedófilos.

Crianças recebem revista que aeta para abusos sexuais em AbaetetubaA cidade de Abaetetuba lançou uma banda-desenhada sobre o tema e distribuiu-a pelas escolas do município, particularmente nas da zona rural, onde há menos acesso à informação.

Intitulada “Inocência Roubada”, a revista conta a história de Aninha, uma menina que foi vítima de abuso sexual e encontrou na escola o apoio de que precisava para denunciar o pedófilo e superar o trauma. Na revista, Aninha é retratada com a mesma faixa etária e as mesmas características físicas da maior parte do público-alvo a que a publicação se destina para uma maior identificação dos leitores à personagem.

Ao longo da história, os mais pequenos acompanham o drama da menina e, sem o perceberem, recebem orientações. Através do exemplo de Aninha, as crianças aprendem a tomar medidas de prevenção contra a aproximação e manobras de pedófilos e de como devem reagir caso não consigam evitar o ataque.

O lançamento da publicação ocorreu com uma grande festa na escola da Vila de Beja. Alunos de diversas escolas foram convidados e divertiram-se com as várias atrações, entre elas o Palhaço Cacá, muito popular na região.

Para além de receberem a revista, os alunos foram incitados a debaterem entre si o assunto que motivou a publicação.