Celular roubado leva a PM a prender quinteto com quase cinco quilos de drogas

O rastreador do aparelho estava ativado e indicou o endereço dos assaltantes, onde os policiais encontraram maconha, cocaína de crack
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Um celular roubado, com o localizador ativado, levou a Polícia Militar, na noite de ontem, sexta-feira (7) até Mateus Oliveira dos Santos, 20 anos, Uemerson Conceição da Silva, 21, e Aldair da Conceição Araújo, 23. Eles foram presos na Rua João Pessoa, no Bairro Liberdade I, em Parauapebas, por volta das 21h30. O aparelho havia sido tomado de uma mulher, no Bairro Casas Populares I.

A Polícia Militar foi procurada pela vítima e rastreou o aparelho, chegando ao endereço do trio, onde encontrou mais um motivo para meter os três na cadeia: na casa em que eles estavam foram encontrados 4,67 quilos de maconha, 13,2 gramas de cocaína e 2,2 gramas de crack.     

Os três receberam voz de prisão, mas um deles, tentando se livrar do flagrante, disse aos policiais militares que a droga pertencia ao dono da casa, Edijúnior da Conceição e Silva, que havia saído na companhia de Tiago Kós Oliveira.

Minutos depois, ambos foram presos por outra guarnição da PM. Eles estavam na motocicleta Honda Biz, preta, placa QDL-4912/Parauapebas-PA. Eles foram reconhecidos pela dona do celular roubado. O quinteto foi removido à 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil e contra os cinco foi aberto inquérito onde são apontados pelos crimes de roubo e tráfico de drogas.

(Caetano Silva)   

Publicidade