Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Bom Jesus

Campeã em assalto a banco, Bom Jesus sofre novo atentado, agora ao Banpará

Bandidos levaram como reféns o vigilante do banco e outro que trabalhava em um posto de combustível na saída da cidade
Continua depois da publicidade

Nenhuma das pequenas cidades da região sudeste do Pará registrou mais assaltos a banco do que Bom Jesus do Tocantins, na BR-222, a 66 km de Marabá. O município de 16.517 habitantes foi sacudido na madrugada desta terça-feira, 10, por tiros e bomba que destruíram parte da estrutura do Banpará, que foi inaugurado há quatro anos.

De tanto ver sua agência saqueada (três vezes), o Banco do Brasil resolveu não reabrir aquela unidade, que sofreu grande explosão com dinamites em 2011. Naquela oportunidade, uma quadrilha composta por oito bandidos derrubou a tiros de fuzil e pistola as portas de vidro do estabelecimento, entrou no banco, colocou uma carga de dinamite junto do cofre e detonou o explosivo. O prédio veio abaixo e tudo o que havia em seu interior ficou destruído. Somente a fachada e a parede dos fundos ficaram de pé.

No ano passado, com direito a filmagem à luz do dia, uma quadrilha assaltou a agência dos Correios de Bom Jesus, levando reféns e deixando a população apavorada.

Inaugurada em 2014, a agência do Banpará ainda passou quatro anos sem sofrer assaltos ou roubos. Mas na noite desta terça-feira o barulho de tiros e bombas acordou a comunidade da cidade mais uma vez.

Veja também:  Marabaense assassinada a facadas em Minas Gerais

Pelas fotos publicadas em redes sociais, dá para perceber que há um buraco no teto, cápsulas de arma pesada foram encontradas e os caixas eletrônicos foram danificados e o dinheiro que havia dentro levado.

Segundo o comandante do CPR II, coronel Mauro Sérgio, as informações não são tão precisas ainda. As primeiras notícias apuradas dão conta de que um carro pequeno (possivelmente um Palio) e três motocicletas teriam sido utilizados por cinco elementos para a prática do assalto. Logo em seguida, o bando fugiu em direção à fazenda Jaqueira.

Foram pegos de reféns um vigilante do Banpará e outro vigilante do primeiro posto de combustível na saída para o município de Abel Figueiredo, na BR-222.

A Polícia Militar faz diligências na região para tentar prender os bandidos.

Ulisses Pompeu – de Marabá

Deixe uma resposta