Cachoeira é condenado a 39 anos e preso novamente

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O mandado de prisão foi expedido pelo juiz da 11ª Vara Federal, Alderico Rocha Santos.

Por Diomício Gomes – O Popular

Cachoeira

O empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, voltou a ser preso na tarde desta sexta-feira (7), em Goiânia. O mandado de prisão foi expedido pelo juiz da 11ª Vara Federal, Alderico Rocha Santos.

O mandado é referente ao processo da Operação Monte Carlo, desencadeada pela Polícia Federal que investiga uma rede de jogos ilegais. No processo, Carlos Cachoeira responde por corrupção e formação de quadrilha, ele foi condenado a 39 anos e 8 meses de prisão. Cachoeira está preso na sede da Polícia Federal em Goiânia.

O empresário havia sido solto, no último dia 21 de novembro, após ter sentença de condenação em outro processo, da Operação Saint Michel. O alvará de soltura foi expedito pela juíza Ana Cláudia de Oliveira Costa Barreto, da 5ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do Distrito Federal que também o condenou a pena de 5 anos por formação de quadrilha e tráfico de influência, em regime semiaberto. A Operação investigou irregularidades no sistema de transporte público do Distrito Federal. 

Em breve mais informações.

Deixe seu comentário

Posts relacionados