Belenense é um dos mais “fracos” para a “estupidamente gelada”

Se pesquisa do Ministério da Saúde abrangesse Marabá e Parauapebas, principais cidades do interior paraense certamente estariam na liderança pela quantidade de bar e boteco em ambas

Continua depois da publicidade

A capital do Pará, Belém, é uma das que menos consomem bebida alcoólica no país. É o que acaba de revelar o levantamento da Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), estudo do Ministério da Saúde segundo o qual apenas 15,31% dos adultos da metrópole paraense fizeram ingestão de cerveja ou outras bebidas que contenham álcool no ano passado. Entre as capitais brasileiras, Belém é a 6ª que menos aprecia qualquer tipo de embriaguez.

Bebem menos que os belenenses apenas os adultos de Curitiba (15,18%), Manaus (14,8%), Rio Branco (13,67%), Maceió (13,16%) e Porto Alegre (12,82%). O ranking do Ministério da Saúde é liderado por Belo Horizonte (25,2%), Vitória (23,28%) e Cuiabá (23,17%). Na distribuição por sexo, 21,9% dos homens adultos de Belém ingeriram bebida alcoólica ano passado enquanto apenas 9,8% das mulheres adultas fizeram o mesmo.

A pesquisa também releva que 5% dos que “tomaram todas” em Belém assumiram ter dirigido em seguida. O percentual foi de 8,7% entre os homens e 1,9% entre as mulheres. A frequência de adultos que referiram conduzir veículos motorizados após o consumo de qualquer quantidade de bebida alcoólica variou de 2,5% em Maceió a 12,6% em Palmas.

As maiores frequências entre homens foram observadas em Palmas (21,1%), Teresina (19,1%) e Boa Vista (16,8%), e as menores ocorreram em Maceió e Fortaleza (5,0%) e Natal (5,1%). Entre mulheres, as maiores frequências foram observadas em Florianópolis (5,4%), Palmas (5,1%) e Boa Vista (4,9%), e as menores frequências em Recife (0,1%), no Rio de Janeiro (0,3%) e em Maceió (0,4%).

Os dados da Vigitel não são discriminados em nível de municípios de interior. Se fossem, as cidades de Parauapebas e Marabá estariam entre as campeãs da bebedeira, a julgar pela quantidade de bares e botecos, que não param de ser abertos nas duas mais importantes cidades do sudeste do Pará.

1 comentário em “Belenense é um dos mais “fracos” para a “estupidamente gelada”

  1. Cláudio Responder

    este BLOG é comédia KKKKKKKKKKKKKKKKKKK se preocupa até com a bebida do povo, paraense toma é açaí!!! KKKKKKKKKKKKKKKKKK

Deixe seu comentário

Posts relacionados

%d blogueiros gostam disto: