40 mil pessoas devem visitar os cemitérios de Parauapebas até o Dia de Finados

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

finadosA partir de sábado, 31 de outubro, até o Dia de Finados, 2 de novembro, cerca de 40 mil pessoas devem passar pelos dois cemitérios de Parauapebas. A moradora do bairro da Paz, Keila Sousa, de 28 anos, é uma delas e irá ao cemitério localizado na Estrada Faruk Salmen para visitar os túmulos do avô e da sobrinha. “Vou ao cemitério todos os anos no Dia de Finados e sempre levo flores. Meu avô tem seis anos de falecido e a minha sobrinha, 11 anos”, conta.

Essa semana, ela esteve no mesmo cemitério para o sepultamento de um amigo da família. Segundo Keila, o local estava limpo, mas ainda com alguns trabalhadores fazendo a pintura de áreas internas. “Toda vez que vou ao cemitério, no feriado, percebo que a sujeira que se acumula é provocada pelos visitantes. Muita gente deixa as caixas das velas jogadas no local e as garrafinhas de água também”, comenta.  Com parentes sepultados no cemitério da Faruk Salmen, Edines Chaves, de 39 anos, morador do bairro da Paz, disse que também visitará na segunda-feira as sepulturas da mãe, do pai e de um primo. Na visita, ele leva apenas flores por causa da sua religião.

De família católica, Fernanda Brito de Sousa, de 20 anos, moradora do bairro Primavera, não tem parentes sepultados na cidade, mas sempre procura acender uma vela em casa em lembrança aos entes falecidos. “Nem todo ano dar pra gente ir nos cemitérios do Maranhão para visitar os túmulos, então, compramos velas e acendemos em casa. Ano passado, fui ao cemitério daqui para visitar sepulturas de amigos e conhecidos”, diz.

Segundo a Coordenadoria de Limpeza Pública, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semurb), serão realizados serviços de limpeza, capina, roço, raspagem, pintura de meio fio, árvores e muros, além de retirada de entulhos e revitalização de fachadas dos cemitérios da cidade. A previsão é que tudo seja concluído até esta sexta-feira (30). Os cemitérios, localizados no bairro da Paz e Estrada Faruk Salmen, ficarão abertos de 6 horas da manhã até as 8 horas da noite.

“Em dias normais, restringimos a entrada de pessoas à noite nos cemitérios. Mas, por conta do Dia de Finados, sempre liberamos o acesso. Muitas pessoas preferem o fim do dia e início de noite para visitarem túmulos de parentes”, diz Jullyhermes Lira, coordenador de Limpeza Pública, reforçando que a administração dos locais é de responsabilidade da Prefeitura.

Perguntado sobre a organização e disposição de vendedores de flores e velas nos cemitérios, muito comuns nessa época, Jullyhermes informa que a venda desses produtos só pode ocorrer na área externa dos locais. A área interna dos cemitérios é liberada apenas para ações voluntárias, como de ONGS e instituições, que nesse período distribuem água para os visitantes.

Publicidade