Ufra abre seleção especial com 24 vagas para Parauapebas

Ingresso será feito por meio de duas maneiras, uma delas, para público geral, usando as notas do Enem do período entre 2015 e 2019. Professores da rede pública também podem concorrer.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Aos interessados em cursar universidade pública em Parauapebas, a boa notícia vem da Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra). Nesta quinta-feira (18), a instituição publicou no Diário Oficial da União (DOU) edital de um processo seletivo especial, por meio da Universidade Aberta do Brasil (UAB), com 24 vagas para concorrência ao curso de Biologia, modalidade a distância. As informações foram levantadas com exclusividade pelo Blog do Zé Dudu.

Quem quiser pleitear a isenção da taxa de inscrição poderá fazê-lo entre os próximos dias 24 e 29. Já a inscrição paga, no valor de R$ 35, poderá ser feita entre os dia 31 deste mês e 18 do mês que vem, abril. O edital do certame, com todas as regras para acesso, encontra-se disponível acompanhando esta matéria e também no portal da Ufra.

De acordo com a Ufra, 50% das vagas são reservadas a estudantes que cursaram integralmente o ensino médio em escola pública. Para participar, o candidato deve ter realizado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), exclusivamente com base no resultado obtido pelo estudante nas edições 2015, 2016, 2017, 2018 ou 2019.

Os professores da rede pública de ensino também podem entrar no páreo. Para participar, o educador (municipal, estadual ou federal) deverá estar em exercício, não ter formação inicial em nível superior, ser concursado e ter no mínimo três anos de exercício da profissão. Nesta modalidade não haverá o critério da nota do Enem, mas sim o envio de documentação comprobatória.

O resultado final do seletivo está previsto para sair no dia 17 de maio, enquanto a matrícula poderá ser efetuada nos dias 25 e 26 daquele mês. O início das aulas vai acontecer no dia 28 de junho. Atualmente, Parauapebas tem quase 63 mil cidadãos com apenas ensino médio completo e potencial para ensino superior. O número de diplomados por faculdade é, ainda, muito pequeno: só 10.300.