Redenção busca agência para cuidar de seu merchan por R$ 790 mil

Prefeitura quer garantir princípio da publicidade e direito à informação, dando conhecimento a 85 mil habitantes de programas, obras, ações e serviços desenvolvidos na capital do gado forte
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O governo do principal município do sul do Pará abriu concorrência para contratar uma agência com vistas a cuidar da sua imagem perante a sociedade. A ideia é aproximar a prestação de serviços da prefeitura local dos 85 mil cidadãos de Redenção. A licitação é prevista para 5 de julho e oferece R$ 790 mil às agências de publicidade interessadas. As informações foram levantadas pelo Blog do Zé Dudu e podem ser conferidas aqui.

Segundo a prefeitura, a concorrência — que escolherá a agência por melhores técnica e preço apresentados — visa à contratação de uma empresa de serviços integrados que tenham por finalidade o estudo, o planejamento, a conceituação, a concepção, a criação, a execução interna, a intermediação e a supervisão da execução externa e a distribuição de publicidade aos veículos e demais meios de divulgação. Ao agir assim, acredita o governo municipal, serão atendidos o princípio da publicidade e o direito à informação.

A Secretaria de Administração, uma das pastas que vão rachar a conta no pagamento da agência, lembra que programas, obras, serviços e campanhas realizados pelo governo local poderão ser difundidos mediante a contratação. “A economia implementada pela atual administração tem gerado diversos benefícios aos munícipes, proporcionando obras e a oferta de serviços públicos de qualidade”, destaca.

Considerando a importância regional de Redenção, há que se observar que o gasto com publicidade pela administração local é tímido. O Blog analisou algumas licitações para agências este ano e percebeu que municípios até menos populosos estão investindo mais na comunicação social.

Santarém, por exemplo, está disposto a aplicar R$ 6 milhões. Ananindeua abriu edital de R$ 4,5 milhões, enquanto em Marabá o valor é de R$ 4 milhões. Castanhal, por seu turno, quer desembolsar até R$ 1,87 milhão. Já Curionópolis vai licitar a conta de publicidade por R$ 897 mil e Itupiranga vai gastar até R$ 2,48 milhões. Até a Câmara de Parauapebas, com oferecimento de R$ 792 mil para as ações de publicidade institucional, está disposta a gastar mais com publicidade que a Prefeitura de Redenção.

Publicidade

Posts relacionados