Rapidinhas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Junta Comercial do Pará em Canaã dos Carajás
A Junta Comercial do Pará (Jucepa) instala nesta sexta-feira (15) uma unidade no município de Canaã dos Carajás. A inauguração é em parceria com a prefeitura local e a Associação Comercial, Industrial e Agropastoril de Canaã (Aciacca). Esta é a 15ª unidade da Junta Comercial presente nos principais municípios do Estado. A unidade vai funcionar na sede da Aciacca, que fica localizada na Rua Castanheira, s/n, Centro.

Luto Oficial
O governador do Pará, Simão Jatene, decretou luto oficial de três dias pela morte do ex-governador de Pernambuco e candidato à presidência  da República Eduardo Campos (PSB). Durante o luto todas as secretarias de estado e órgãos de administração devem manter bandeiras a meio mastro, em homenagem ao candidato.

Agência
Passados vinte meses como presidente da Câmara Municipal de Parauapebas, finalmente Josineto Feitosa conseguiu licitar a agência de propaganda para divulgar as ações daquela casa. Porém, como quase tudo no mandato do nobre edil, a licitação está sendo investigada. Uma desconhecida empresa de Tucuruí foi declarada vencedora e administrará um orçamento de cerca de R$1.000.000,00 (um milhão de reais) até o final do ano.

Lixo
É preciso que a prefeitura de Parauapebas normalize com urgência o serviço de recolhimento de lixo no perímetro urbano. A cidade está que é um lixo só. Segundo a Ascom, a coleta foi normalizada desde ontem e em poucos dias tudo estará na mais perfeita ordem. 

Ordem dada…
Por falar em Ascom, o assessor de comunicação de Parauapebas, o publicitário Walmor Costa, vai se afastar temporariamente da assessoria a partir da próxima segunda-feira. Walmor foi indicado para assumir a coordenação da campanha do candidato Simão Jatene na região do entorno do Carajás.

… ordem cumprida
Walmor Costa assumiu a Assessoria de Comunicação em agosto de 2013. Na época, o governo do prefeito Walmir Mariano passava por uma terrível crise de popularidade, alcançando índices negativos de 70%. Passados 12 meses, segundo as últimas pesquisas, Valmir Mariano tem hoje os mesmos 70%, só que de avaliação positiva. 

BR-155
Depois da interdição da BR-155 que culminou com a morte de uma manifestante, representantes de vinte e dois assentamentos do MST no sul do Pará  estiveram reunidos com representantes do Incra ontem em Marabá. Como não houve avanço nas negociações, uma outra reunião ficou agendada para a próxima segunda-feira (18), também em Marabá. Com o agendamento, podemos ficar tranquilizados que não haverá obstrução da BR até que a reunião aconteça. Menos mal!

Superintendência
Parauapebas já conta com uma superintendência de polícia civil. Segundo alguns membros do judiciário ouvidos  pelo Blogger, a instalação de uma superintendência trará mais investimentos na área de segurança para a região, além de desvincular os municípios de Parauapebas, Canaã dos Carajás, Curionópolis e Eldorado dos Carajás da superintendência de Marabá, assoberbada de serviços devido a grande demanda.

Pesquisas
Várias pesquisas começam a pipocar em Parauapebas desde o início do processo eleitoral. Como elas não foram registradas, não podem ser divulgadas. Todavia, tais pesquisas apontam que dinheiro não é tudo em se tratando de campanha. Alguns candidatos com muita grana na algibeira têm cortado um dobrado para se manter em evidência, enquanto outros, menos favorecidos financeiramente, estão com ótima avaliação.

Pesquisas II
Outro ponto marcante nas pesquisas a que tive acesso, é que o plebiscito não trouxe tanto desgaste ao governador Jatene, que tem reconhecido o trabalho que vem realizando no no sul e sudeste paraense. Parece que a população ouvida pelas pesquisas deram conta que a culpa do fracasso do SIM no plebiscito foi da estratégia de quem defendia o SIM e não de quem fez oposição.

Sonegação
Uma auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU), no Departamento Nacional de Pesquisa Mineral (DNPM), mostrou que de cada quatro áreas onde há extração de minério no país, apenas uma faz o recolhimento correto de royalties, a Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM). TCU tinha advertido o DNPM em 2011.

Posts relacionados