Prefeitura de Parauapebas vai refazer mercado do Rio Verde

Empresa R Jansen fará projeto arquitetônico do novo mercado municipal, por onde circulam 10 mil consumidores aos finais de semana. Obra, da ponte na PA-160, teve cronograma alterado.
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Imprimir

Continua depois da publicidade

Nesta segunda-feira (11), foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) o nome da empresa que fará o projeto arquitetônico do prédio do mercado municipal localizado no Bairro Rio Verde, por onde circulam aos finais de semana cerca de 10 mil consumidores. A empresa R Jansen Projetos e Construções vai elaborar os croquis por R$ 302.081,00 (veja a publicação no DOU aqui).

A homologação do processo licitatório de número 1/2019-008, coordenado pela Secretaria Municipal de Obras (Semob), foi feita na semana passada. Agora, a expectativa é de que o projeto seja entregue em tempo hábil para que as obras comecem e avancem no início de 2020. O mercado do Rio Verde foi erguido nos anos de 1990 e muitos frequentadores reclamam da situação de abandono do espaço.

No ano passado, uma versão de como ficaria o mercado chegou a ser divulgada pela Prefeitura de Parauapebas, segundo quem a atual feira seria totalmente demolida para dar lugar a um prédio “zero quilômetro” com estacionamento para 300 vagas no subsolo, 180 boxes para hortifrutigranjeiros, 30 para o pessoal que vende peixes, 30 para vendedores de aves e 30 destinados para os feirantes do setor de confecção.

Ponte sobre Igarapé Ilha do Coco

A Prefeitura de Parauapebas também divulgou nesta segunda, por meio do Diário Oficial da União, que a data da abertura das propostas para contratar empresa que construiria uma ponte sobre o Igarapé Ilha do Coco, na PA-160, foi mudada. Pelo cronograma inicial da licitação de número 3/2019-018, da Semob, a concorrência seria realizada depois de amanhã, quarta-feira (13). Porém, a Comissão Permanente de Licitação (CPL) prorrogou para 12 de dezembro (veja o aviso aqui).

O Blog do Zé Dudu levantou que a administração de Darci Lermen está pagando até R$ 1.747.296,82 pela construção de uma ponte de concreto de 41 metros. Segundo a Semob, existe um talvegue (espécie de caminho sinuoso do Igarapé Ilha do Coco) nas imediações do encontro entre as rodovias PA 160 e 275 que precisa ser superado. Com a ponte, além de resolver o problema do talvegue, será possível proteger a rodovia da ação da água, preservando por mais tempo o pavimento. A ponte é uma ação complementar às obras de duplicação do trecho urbano da PA-160.

Relacionados