Prefeito de Tomé-Açu e seu pai são acusados pelo duplo assassinato ocorrido em março no município. Eles estão foragido.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

image

Passados pouco mais de trinta dias, a polícia civil do Pará já identificou mandantes e apresentou ontem, durante uma coletiva de imprensa, os assassinos do advogado Jorge Pimentel e do empresário Luciano Capaccio, em 02 de março último no município de Tomé-Açu.

As pessoas com prisão preventiva decretadas, acusadas de mandantes e assassinos são:

1.Carlos Vinicius de Melo Vieira – prefeito municipal de Tomé-Açu, mandante. Está foragido.

2. Carlos Antônio Vieira – empresário, pai do prefeito, mandante. Está foragido

3. Carlos André S. Magalhaes – pistoleiro conhecido como Tico e que já responde por outros crimes de pistolagem em Paragominas e região.

4. Wellington Ribeiro Marques – pistoleiro conhecido como Teco e que já responde por outros crimes de pistolagem em Paragominas e região.

5. Raimundo Barros Araújo – empresário que contratou os três pistoleiros e acertou a empreitada macabra em nome do prefeito e do pai dele.

6. Jorge Augusto M da Silva – auxiliou os pistoleiros na fuga, ficando com as armas do crime que depois revendeu.

7. Um pistoleiro já identificado e foragido.

As informações são do advogado e presidente do PV no Pará, José Carlos Lima.

Publicidade

Posts relacionados