Nota à imprensa do Instituto Lula

Sobre a reportagem da revista Veja publicada nesse final de semana, que apresenta uma versão atribuída ao ministro do STF, Gilmar Mendes, sobre um encontro com o ex-presidente Luiz Inácio …

Sobre a reportagem da revista Veja publicada nesse final de semana, que apresenta uma versão atribuída ao ministro do STF, Gilmar Mendes, sobre um encontro com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no dia 26 de abril, no escritório e na presença do ex-ministro Nelson Jobim, informamos o seguinte:

1. No dia 26 de abril, o ex-presidente Lula visitou o ex-ministro Nelson Jobim em seu escritório, onde também se encontrava o ministro Gilmar Mendes. A reunião existiu, mas a versão da Veja sobre o teor da conversa é inverídica. “Meu sentimento é de indignação”, disse o ex-presidente, sobre a reportagem.

2. Luiz Inácio Lula da Silva jamais interferiu ou tentou interferir nas decisões do Supremo ou da Procuradoria Geral da República em relação a ação penal do chamado Mensalão, ou a qualquer outro assunto da alçada do Judiciário ou do Ministério Público, nos oito anos em que foi presidente da República.

3. “O procurador Antônio Fernando de Souza apresentou a denúncia do chamado Mensalão ao STF e depois disso foi reconduzido ao cargo. Eu indiquei oito ministros do Supremo e nenhum deles pode registrar qualquer pressão ou injunção minha em favor de quem quer que seja”, afirmou Lula.

4. A autonomia e independência do Judiciário e do Ministério Público sempre foram rigorosamente respeitadas nos seus dois mandatos. O comportamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é o mesmo, agora que não ocupa nenhum cargo público.

Assessoria de Imprensa do Instituto Lula

19 comentários em “Nota à imprensa do Instituto Lula

  1. Guerreiro Responder

    Essa não é a primeira vez que o ministro Gilmar Mendes envergonha o país e demonstra seu comprometimento político. O também ministro do STF, Joaquim Barbosa, após a concessão de Habeas Corpus ao banqueiro Daniel Dantas pelo “guardião da moralidade e da justiça” Gilmar Mendes, deu-lhe um corretivo que foi transmitido pela TV Justiça, e depois retransmitido por várias emissoras de Tv aberta. O Joaquim Barbosa disse para seu colega Gilmar Mendes: “Você é motivo de vergonha para o STF”. Depois disso, Joaquim Barbosa, por onde passava era cumprimentado por populares, e até aplaudido foi.
    Precisa dizer mais Parauapebas Júnior ?? ou a tua viseira e o teu cabresto não te permitem enxergar???

  2. verdadeiro Responder

    Se colocar um detector de mentiras na frente do Lula vai explodir a boca dele. O cara só fala bobagens e ainda tem cara de pau de desdizer.

  3. Guerreiro Responder

    Em resposta ao 14, só para ficar bem claro, é que o sr. Gilmar Mendes é simplesmente quem concedeu habeas corpus ao banqueiro Daniel Dantas preso durante a Operação Satiagraha, da Polícia Federal. Tá bem entendido???Quer maior líder da verdadeira quadrilha???

  4. Parauapebas Júnior Responder

    O Sr. Guerreiro, deve ter se lambuzado, ao descer fundo na esgotofera, e nadado de braçada nos blogs alugados, do pt, onde ja se viu dizer que este ao aquele ministro do supremo pertence a este ou aquele partido? Quanto a saber se o Ministro Gilmar falou ou não a verdade, por quê o proprio Lula não vem a publico e diz o que aconteceu? simplesmente sr. guerreiro, ele não pode , porque se disser que o Ministro fala verdade, se ferra, e se disser que o Ministro mente, ele fatalmente vai ser desmascarado, então o presidente mais falastrão que este pais já teve se recolhe ao silencio, por quê, sr JEG ?

  5. Nome (obrigatório) Responder

    Resposta ao 09 guerreiro; É triste ver como quando alguma situação tenta desvendar a face oculta do líder maior desta quadrilha intitulado PT, o tamanho da preocupação dos seus pares em logo criar alguma coisa pra ludibriar os menos esclarecidos, pois jamais será possível alguém ter total conhecimento dos sentimentos do ser humano devido a complexidade deste ser. Ainda mais através de software de computador que foi criado pela mão do homem, somente Deus o criador pode afirmar quando mentimos ou falamos a verdade.

  6. Afonso Schroeder Responder

    O sábio admite quando a grande maioria da população reconhe os feitos, do cidadão que pode ter vindo de familia simples, mas mostrou até os que se diziam donos da verdade como se governa um País, ou todos os grandes institutos enganaram a sociedade.

  7. Roberto Responder

    É triste mesmo, o maior estadista deste país é o Lula?! Onde Ficam Juscelino, Getúlio, Fernando Henrique…nenhum deles fez nada?! Talvez seja o maior enganador desse país ao lado de Sarney, de quem aliás se tornou aliado durante seu mandato.

  8. Parauapebas Júnior Responder

    O Sr. Schroeder, falou um quilo e não disse uma grama, num comentario confuso, a unica coisa que deu para entender é que ele nãosabe a diferença entre um estadista e um rufião de sindicatos, Um estadista governa para as proximas geraçoes, um sindicalista recalcitrado governa para si e seus asseclas.

  9. Guerreiro Responder

    Gilmar Mendes mentiu, revela exame de voz
    Complica-se a situação do ministro tucano

    Com infos do
    UOL, em São Paulo

    O laudo de uma perícia em análise de frequência de voz aponta trechos “fraudulentos e suspeitos” na entrevista do ministro Gilmar Mendes veiculada na segunda-feira (28) pelo canal GloboNews, sobre um encontro seu com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
    Na edição do último domingo (27), a revista Veja publicou reportagem em que o ministro Gilmar Mendes relata um suposto encontro entre ele, Lula e o ex-ministro Nelson Jobim no dia 26 de abril.

    Segundo Mendes, o ex-presidente teria insinuado que poderia protegê-lo na CPMI do Cachoeira, que investiga a relação entre políticos e agentes públicos com o bicheiro Carlinhos Cachoeira, em troca do adiamento do julgamento dos envolvidos no mensalão no STF (Supremo Tribunal Federal).

    À emissora de TV, Mendes confirmou o teor da conversa que teria travado com Lula. Na análise de um total de 3 minutos de trechos da entrevista, foram detectadas 11 ocorrências de “alto risco”, cinco de “provável risco” e duas de “baixo risco”.

    “Alto risco é uma maneira de dizer que a pessoa está mentindo”, afirma o perito responsável pela análise, Mauro Nadvorny.

    Nadvorny é diretor-presidente da empresa Truster Brasil, que produz a tecnologia que detecta sinais de tensão, estresse, medo, embaraço e excitação em arquivos de voz. De acordo com Nadvorny, esses fatores permitem situar declarações em uma escala de veracidade.

    O laudo indicou “alto risco” de fraude nos trechos em que o magistrado diz que o mensalão “entrou na pauta das conversas”, que “o presidente tocou várias vezes na questão da CPMI” e no trecho em que Mendes diz ter “nenhuma relação, a não ser relação de conhecimento e de trabalho funcional com o senador Demóstenes”.

  10. Afonso Schroeder Responder

    continuando, que idealizou construindo uma equipe como nunca vista antes neste País, dizendo a todos o porqque da grande maioria telo escolhido que por sinal na maioria das vezes não têm acesso aos meios de comunicação, mas sabe separar o joio do Trigo, por isto digo sem medo de errar a estes poucos o Brasil de hoje é outro, não cabendo retrocessos.

  11. eder Brasília Responder

    Em minha opinião montaram a CPI do Cachoeira, só pra enfraquecer a oposição e para esquecermos do mensalão, e agora que viram que a Delta construtora maior beneficiada das obras do PAC, onde estão indo bilhões de cachoeira à baixo sem nem uma fiscalização na execução das obras, agora querem escorregar nem apurar o caso, esão só prorrogando e nem vira nada CPI e mensalão, e viva o lulão.

  12. eder Brasília Responder

    Concordo com os 2 comentários anteriores, quando ele quer atacar é pior do que leão, mas na hora de falar a verdade parece um tatu, já na habilidade em fazer de vítima nenhum zoológico nem continente encontrei animal para comparar a esses sacanas.

  13. MÁRCIO Responder

    “Eu não sei nada sobre o mensalão”, foi isso que ele disse na época. então Porque ele foi falar com o Ministro? Quem está mentindo? Infelizmente, mais um episódio que será varrido para debaixo do tapete.

  14. Nome (obrigatório) Responder

    Todos já deveriam saber que quem manda no Brasil não é a presidente Dilma que simplesmente recebeu a faixa, mas quem governa é o PT, portanto como o Lula é o PT personificado acredito que ele ainda manda neste pais e ele sabe disso.

Deixe seu comentário