Mulher briga com namorado, cai do segundo andar de prédio e morre em Parauapebas

Vídeo gravado por vizinho mostra o momento e que ela se desequilibra e cai, em meio a gritos contra o rapaz, que já estava na rua
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A operadora de caixa Verônica Neta Barbosa da Silva, 37 anos, morreu por volta das 11h20 deste domingo (5), ao cair do segundo andar do prédio em que morava, em um residencial da Rua Ângela Diniz, no Bairro da Paz. A mulher, segundo a polícia, bastante embriagada, encostada no parapeito, gritava xingamentos contra o namorado e a irmã dele, que haviam descido e atravessavam a rua. De repente, ao gesticular impulsionando o corpo para frente, se desequilibrou e caiu de uma altura de cerca de oito metros.

Segundo informações repassadas para a polícia, Verônica havia bebido bastante e, minutos antes, discutia com o namorado. O vídeo, feito por um vizinho, mostra o rapaz deixando o prédio na companhia da irmã e Verônica caminhando pelo corredor.

Em seguida, ela passa a proferir xingamentos e vai ficando cada vez mais agitada e agitando os braços, até acontecer o acidente. Na queda, o corpo de Verônica ainda bate em um carro que estava estacionado na calçada.  A polícia foi comunicada e o Instituto Médico Legal (IML) chamado e removeu o corpo. A mulher morava só no apartamento.

(Caetano Silva)

Publicidade