Goianésia do Pará vacina contra o novo coronavírus pessoas com 30 anos ou mais

O município, que não registra óbitos decorrentes da Covid -19 desde o dia 14/05, está classificado no bandeiramento amarelo, com risco intermediário de transmissão da doença.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Atualmente o município de Goianésia está na etapa de vacinação contra o novo coronavírus para pessoas acima de 30 anos, sem comorbidades; de 18 a 29 anos, com comorbidades; além de trabalhadores da área da educação, gestantes e puérperas – mulheres até 45 dias após o parto.

Goianésia do Pará, está situado às margens da rodovia PA-150, distante 385 km da capital, na região sudeste do Pará. A cidade é corredor de integração no estado, permitindo acesso a outros municípios, entre eles, Marabá, Jacundá, Tucuruí e Breu Branco.

A primeira remessa com 200 doses de vacina chegou ao município no dia 19 de janeiro. Na primeira fase da vacinação foram imunizados os profissionais da área vigilância em saúde e população indígena das aldeias Ararandeua e Surubiju, que fazem parte do município de Goianésia do Pará. Com a chegada de novas remessas a secretaria de saúde vem atendendo grupos prioritários de pessoas com comorbidades – conforme lista do Programa Nacional de Imunizações -, professores, trabalhadores da segurança pública, profissionais da saúde diretamente envolvidos nas ações de combate à Covid-19, entre outros.

O município contabiliza 11.114 doses de vacinas recebidas do Governo do Estado, via Secretaria de Saúde Pública (Sespa). Destas, 8.911 foram aplicadas, sendo 6.778 primeira dose e 2.048 segunda dose.  As vacinas recebidas são dos laboratórios CoronaVac – Instituto Butantan – e AstraZeneca – Fiocruz. O município possui população vacinal de 25.142 pessoas, segundo dados do Vacinômetro /Sespa.

Boletim epidemiológico – Dados do último boletim epidemiológico, divulgado em 20.07 pela Secretaria Municipal de Saúde, dão conta que desde o início da crise sanitária causada pela Covid-19, Goianésia do Pará registra 1.935 casos confirmados da doença, 1.878 recuperados e 34 óbitos. 

O município, que não registra óbitos decorrentes da Covid -19 desde o dia 14/05, está classificado no bandeiramento amarelo, com risco intermediário de transmissão da doença.

Os pacientes infectados pelo coronavírus estão sendo atendidos na Unidade de Atendimento ao Covid-UAC, que disponibiliza 20 leitos destinados às pacientes com os primeiros sintomas provocados pelo vírus. No momento apenas um paciente está hospitalizado e 20 estão em tratamento domiciliar sob monitoramento dos profissionais da vigilância em saúde, cumprindo os protocolos de saúde para evitar a disseminação do vírus.

O secretário municipal de saúde, Jacibergue Urbano, destaca a importância da colaboração dos cidadãos no cumprimento às medidas sanitárias para conter a disseminação. Ele ressalta a obrigatoriedade do uso da máscara, distanciamento social e o retorno para receber a segunda dose da imunização. 

Cuidados – A secretaria de saúde segue orientando a população quanto às medidas protetivas no enfrentamento da doença. É preciso usar corretamente a máscara; manter o distanciamento entre as pessoas e a higienização das mãos com água e sabão ou utilização de álcool em gel.

Essas são recomendações consideradas fundamentais no controle da circulação do vírus da Covid-19 que continua presente no estado e fazendo vítimas diariamente.

 A transmissão do vírus se dá por via direta, ou seja, de pessoa para pessoa, através de gotículas expelidas através do nariz e boca de pessoas que estão infectadas com o vírus,

ou por meio de objetos que podem ter sido infectados anteriormente.

Para acelerar e proporcionar acesso aos grupos convocados, todas as Unidades Básicas de Saúde do município estarão atendendo de segunda a  sexta-feira no horário de 07:30h às 11:30h e 13h às 17h, além de posto de vacinação extra montado na frente do Hospital Municipal de 7:30h às 13h. 

Documentos necessários para receber a vacina: Carteira de identidade (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF) e Carteira de Vacinação (caso tenha). O uso da máscara é imprescindível.