FIEPA diz que atividades do Senai de Canaã vão encerrar de forma gradativa

Após o fechamento, as demandas existentes na cidade passarão a ser atendidas pela unidade do SENAI no município de Parauapebas
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A notícia que tem causado impacto na comunidade de Canaã dos Carajás desde o início desta semana ainda repercute pelas ruas da cidade e por meio das redes sociais. Afinal, não é todo dia que uma instituição referência em qualificação profissional como o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) anuncia que vai fechar as portas de sua unidade no município.

Na manhã de hoje (18), o porta voz dos interesses do setor industrial, o Sistema FIEPA (Federação das Indústrias do Estado do Pará), através de sua assessoria de comunicação, se pronunciou mais uma vez, via e-mail, acerca de previsão para fim das capacitações na “Terra Prometida”.  Segundo a Ascom, por ainda haver turmas em andamento, o processo de encerramento das atividades será feito de forma gradativa.

Através dos diversos cursos ofertados, que vão desde a iniciação profissional até a graduação e pós-graduação, o SENAI, ao longo de seus 11 anos na cidade, já capacitou aproximadamente 25 mil pessoas para o mercado de trabalho nas áreas de automação, ferrovias, hidráulica, pneumática, mecânica, elétrica, eletroeletrônica, equipamentos móveis, mineração, informática, costura industrial, administração, solda, tendo como público-alvo pessoas a partir de 16 anos de idade.

Com o fechamento, as demandas da instituição serão atendidas pela unidade do SENAI no município de Parauapebas.

O que motivou o encerramento das atividades:

Segundo um comunicado da FIEPA, a decisão de fechar a instituição foi tomada em virtude da baixa demanda aos serviços do SENAI em Canaã dos Carajás.

Confira o comunicado:

“O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Unidade Canaã dos Carajás, esclarece que está em processo de encerramento de suas atividades no município. A difícil decisão foi tomada em virtude da baixa demanda aos serviços do Senai de Canaã dos Carajás, por parte das empresas e comunidade da região onde ele está instalado, o que consequentemente resulta na insustentabilidade desta unidade. Desta forma, foi preciso tomar a decisão do desligamento e/ou transferência de colaboradores para outras unidades do Senai no Pará. Informamos que as demandas de Canaã dos Carajás serão atendidas pela unidade de Parauapebas”.

Publicidade