Fernando Silva, ex-preparador físico do Parauapebas, morre em Belém vítima de um infarto

O profissional foi campeão da Segundinha do Parazão em 2010 com o PFC, ao lado de Samuel Cândido
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O futebol paraense está de luto. Faleceu na tarde desta sexta-feira (19) o ex-preprador físico e técnico, Fernando Silva, aos 65 anos, vítima de um infarto. Segundo informações, Fernando chegou a ser hospitalizado no Pronto Socorro da 14 de março, no bairro Umarizal, em Belém, com problemas cardíacos, mas não conseguiu leito devido a lotação por conta da pandemia. Natural de Belém, Fernando Silva havia completado aniversário no mês passado, era nascido e criado no bairro da Cremacão, mas atualmente morava no bairro de Canudos. O profissional deixa esposa e dois filhos.

Atualmente, Fernando Silva estava exercendo cargo de diretor do Núcleo de Esporte e Lazer (NEL), e teve passagens por vários clubes do futebol paraense, inclusive pelos três grandes da capital Belém: Clube do Remo, Paysandu Sport Club e Tuna Luso Brasileira. Pelo Leão Azul, participou da campanha história na Copa João Havelange de 2000, onde os azulinos ficaram entre os melhores clubes do Brasil, com Fernando Silva no comando físico e Paulo Bonamigo como técnico remista.

Já pelo Papão, Fernando Silva estava na comissão técnica bicolor que quebrou a hegemonia do rival Remo, onde o Leão buscava o hexacampeonato estadual, e o Paysandu conquistou o Parazão de 1998, de forma invicta. Ainda com o time bicolor, conquistou o estadual de 2006, ao lado do técnico Samuel Cândido, no qual fez uma parceria de sucesso. Na Águia Guerreira, Fernando estreou como técnico diante do Paysandu após a diretoria cruzmaltina trocar o comando, na época o treinador Charles Guerreiro.

Parauapebas Futebol Clube campeão da Segundinha 2010 (Foto: Carlos Campos)

Uma temporada marcante de Fernando Silva foi a de 2010, quando o profissional, que estava como preparador Físico, tendo ainda na comissão o técnico Samuel Cândido e o preparador de goleiros Mário Fernando, conquistou o título da Segundinha do Parazão com o Parauapebas Futebol Clube, que estava recém fundado. O time do PFC bateu o Abaeté nos dois jogos da final, sendo 2 a 0, no Estádio José Raimundo Roseno Araújo, o Rosenão, em Parauapebas, e 1 a 0, no Estádio Humberto Parente, em Abaetetuba.

Técnico Samuel Cândido fez dupla de sucesso com Fernando Silva (Foto: Igor Mota)

A parceria com o técnico Samuel Cândido foi grande e o que rendeu títulos a dupla de amigos. Além da conquista inédita com o PFC, os dois trabalharam juntos no Paysandu Sport Club, onde conquistaram o título do Campeonato Paraense de 2006, e com o próprio Papão ganharam o estadual Sub-20 de 2015. Também fizeram dupla na Tuna Luso Brasileira e na equipe do Itabaiana de Sergipe, na temporada de 2011. Samuel Cândido lamenta a partida repentina de seu grande amigo e parceiro do futebol.

“O Fernando foi um grande amigo que nós conhecemos no futebol. Convivíamos todos os finais de semana, principalmente quando estávamos na região de Belém e tivemos a oportunidade de trabalharmos juntos no Parauapebas, onde nós conquistamos um título da segunda divisão, em 2010. Fernando era um grande profissional, não tenho adjetivo para poder elogiá-lo, uma pessoa do bem e todos nós ficamos tristes por sua partida repentina e a dor é muito grande por parte dos amigos e dos familiares. Temos um carinho muito grande pelos seus familiares e com certeza Deus vai confortar o coração da sua família, da sua esposa Daniela e do Nando filho dele. Realmente estamos bastante abalados”, disse Samuel Cândido.

Por Fábio Relvas