Fazenda Curuá

Continua depois da publicidade

Do Adital
A maior propriedade rural do mundo deixou de existir legalmente na semana passada. O juiz Hugo Gama Filho, da 9ª vara da justiça federal de Belém, mandou cancelar o registro imobiliário da Fazenda Curuá, que consta dos assentamentos do cartório de Altamira, no Pará. O imóvel foi inscrito nos livros de propriedade como tendo nada menos do que 4,7 milhões de hectares.

Seu suposto proprietário podia se considerar dono da 23ª maior unidade federativa do Brasil, com tamanho superior ao dos Estados do Rio de Janeiro, Alagoas, Sergipe e do Distrito Federal. Suas pretensões poderiam ainda exceder essas dimensões. Através de outros imóveis, pretendia alcançar uma área de 7 milhões de hectares, duas vezes e meia o tamanho da Bélgica, país onde vivem mais de 10 milhões de habitantes. Não é ainda uma decisão definitiva. Os herdeiros da C. R. Almeida deverão recorrer.

Acompanhe o que escreveu Lucio Flávio Pinto sobre a decisão.

2 comentários em “Fazenda Curuá

  1. diablo 3 Responder

    Way neat, some legitimate factors! I recognize you producing this informative article accessible, the remainder of the web site can be higher good quality. Possess a exciting.

  2. Senna Responder

    E nós pensávamos que a amazônia fosse nossa!
    Essa disputa vem colocar um ponto final em um problema que se tornou crônico, cartórios e autoridades corruptos contribuiram para esse descalabro. Quantos processos duvidosos enriqueceram e aumentaram o latifúndio, através de empréstimos bancários e projetos não realizados junto aos órgãos de desenvolvimento como a antiga SUDAM, SUDENE, etc., foi através deles que os “donos” da Amazônia e do Pará tornaram-se caciques na região. E hoje, muitos deles, querem dividir o Pará.
    Ainda pairam no ar muitas dúvidas e injustiças que poderiam ser esclarecidas se a justiça fizesse justiça…
    Enquanto isso, Lúcio Flávio, um dos poucos se não o único, que tem a coragem de bancar essa luta. Parabéns ao jornalista guerreiro.

Deixe seu comentário

Posts relacionados

%d blogueiros gostam disto: