Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Brasil

Ministro Gilmar Mendes se irrita com pergunta de repórter: “Enfia na b****”

Ministro não gostou de ser perguntado sobre pagamento de passagem aérea para Portugal
Continua depois da publicidade

Em Lisboa para participar de um seminário de direito organizado pelo IDP (Instituto Brasiliense de Direito Público), do qual é um dos sócios, o ministro Gilmar Mendes se irritou com repórter da Folha S. Paulo quando perguntado se a passagem aérea para Portugal teria sido paga pelo STF (Supremo Tribunal Federal).

“Devolva essa pergunta a seu editor, manda ele enfiar isso na bunda. Isso é molecagem, esse tipo de pergunta é desrespeito, é desrespeito”, esbravejou.

A viagem para Lisboa em razão do evento, marcado para 3, 4 e 5 de abril, criou incerteza quanto à presença do magistrado no julgamento do habeas corpus do ex-presidente Lula, no dia 4. O ministro, porém, promete participar da abertura do seminário e retornar a Brasília no próprio dia 3

Futebol

Atacante Danúbio assina contrato com o Futebol Clube do Porto de Portugal e vai atuar na Europa

O jogador é natural da cidade de Parauapebas e pode jogar na Primeira Liga NOS portuguesa
Continua depois da publicidade

Por Fábio Relvas

O atacante Danúbio Santos, de 22 anos, natural da cidade de Parauapebas, sudeste do estado do Pará, vai realizar seu grande sonho como atleta profissional: o jogador assinou contrato com o Futebol Clube do Porto de Portugal e atuará no futebol europeu. Danúbio é da base do Parauapebas Futebol Clube (PFC) e jogou na última Segundinha do Parazão com as cores do Gigante de Aço.

Além do PFC, o jovem atleta paraupebense já defendeu o Ji-Paraná-RO, Independente Tucuruí-PA, Águia de Marabá-PA, Desportiva Paraense-PA, São Francisco-PA e Grêmio Anápolis-GO. Danúbio vestirá a camisa 47 e terá a missão de substituir o argentino Fede Varela, meia-atacante que deixou o Porto e foi para o Portimonense Sporting Clube, equipe também de Portugal.

“Primeiramente quero agradecer a Deus pela oportunidade de estar em um time como esse – Porto de Portugal – em que todo jogador sonha em estar; então eu fico muito feliz com isso, por essa oportunidade. Agora é mostrar o meu trabalho cada dia mais com dedicação e claro, jogar, que é o sonho de todo o jogador. Quero mandar um abraço para as pessoas de Parauapebas, principalmente para a minha família que me apoia sempre e me leva para frente”, disse Danúbio.

Atualmente o Futebol Clube do Porto de Portugal está na Primeira Liga – Liga NOS, que é o escalão principal do sistema de ligas de futebol de Portugal. Nesta temporada, o Porto segue firme na Liga dos Campeões e encara o Liverpool da Inglaterra, pelas oitavas de final, mas o atacante Danúbio, no momento, pode defender as cores do Porto somente no Campeonato Português.

Hoje 9 de janeiro é Dia do Fico

Continua depois da publicidade

O Dia do Fico ocorreu em 9 de janeiro de 1822. Esta data ficou conhecida por este nome, pois D.Pedro I, então príncipe regente do Brasil, não acatou ordens das Cortes Portuguesas para que deixasse imediatamente o Brasil, retornando para Portugal.

As Cortes de Portugal estavam preocupadas com os movimentos que ocorriam no Brasil em direção à emancipação política. Viam no retorno de D.Pedro uma maneira de recolonizar o Brasil, enfraquecendo as idéias de independência.

Os liberais do Partido Brasileiro recolheram cerca de 8 mil assinaturas, exigindo a permanência de D.Pedro no Brasil. Diante deste contexto, D. Pedro declarou: “Se é para o bem de todos e felicidade geral da Nação, estou pronto! Digam ao povo que fico”. Então esta data (9 de janeiro de 1822) passou a ser conhecida como o Dia do Fico.

Importância histórica:

Este fato histórico foi importante, pois fortaleceu a posição brasileira de buscar a independência, distanciando cada vez mais da influência portuguesa.

Pará

Pará supera marca de 100 mil turistas internacionais com novos voos

Continua depois da publicidade

O Pará comemora o balanço do primeiro ano de voos internacionais com partidas e chegadas em solo paraense das companhias aéreas TAM e TAP. Em 2014, numa das mais importantes ações estratégicas, dentre as realizadas pela Secretaria de Estado de Turismo (Setur), com objetivo facilitar a acessibilidade ao turista estrangeiro, o Pará inaugurou as rotas Belém-Miami, operado pela companhia brasileira, e Belém-Lisboa, oferecido pela empresa portuguesa.Em 2014 um volume de 101.989 turistas internacionais buscaram o destino Pará, um aumento significativo de 29,8% na comparação com o ano anterior. O crescimento do movimento operacional de passageiros vindos do exterior em 93% no Aeroporto Internacional de Belém mostra a importância destes voos internacionais para a consolidação do turismo no Estado.

TAP

De acordo com o setor de Relações Institucionais e Governamentais da TAM, a companhia avalia de forma positiva o primeiro ano da operação do seu voo entre Belém e Miami, operado sempre às quartas-feiras e aos domingos. Segundo levantamento interno, as frequências da empresa nesta rota registram, até o momento, taxa de a ocupação média aproximada de 80%. Desde o voo inaugural, realizado em 2 de fevereiro de 2014, a TAM já transportou quase 35 mil passageiros em cerca de 200 voos operados entre as duas cidades, sendo que o mercado brasileiro responde pela maior fatia de vendas das passagens para a rota.

No que diz respeito a “ponte construída sobre o Oceano Atlântico entre Belém e a Europa”, como o secretário de Estado de Turismo, gosta de referenciar o voo da TAP, os números também são salutares. O voo que faz a rota Manaus-Belém-Lisboa teve 16.795 bilhetes vendidos, com uma taxa de ocupação média de assentos das aeronaves nesse primeiro ano de operação de 77,16%, sendo que dos assentos ocupados, 58,5% são Belém e os demais 41,5% em Manaus. Ao todo, a TAP possui 82 voos semanais saindo de 12 cidades no Brasil para Europa. Em Belém, o voo tem a frequência de três voos semanais.

“Avaliação foi considerada positiva. No entanto, acreditamos que esta rota pode ser mais explorada, estamos realizando divulgação do voo em outras localidades do Estado, como Marabá, Parauapebas, Macapá e Santarém para aumentarmos a ocupação do voo e no futuro poder aumentar a frequência do mesmo”, conclui o gerente regional da TAP, Douglas Lima.