Marabá

Disque Denúncia Marabá: tráfico de drogas lidera o ranking de assuntos mais denunciados

O Disque Denúncia Marabá, funcionando há 9 meses no município, cada vez mais tem se consolidado como importante instrumento no combate ao crime. O serviço conta com o apoio de …

O Disque Denúncia Marabá, funcionando há 9 meses no município, cada vez mais tem se consolidado como importante instrumento no combate ao crime. O serviço conta com o apoio de todos os mecanismos que trabalham em conjunto, o elo sociedade civil, autoridades policiais e os meios de comunicação permitem a continuidade e transparência do serviço.

Através de uma ligação anônima é possível monitorar e interromper um dos maiores propagadores da violência, o tráfico de drogas. Um estudo feito pelo núcleo de análise do Disque Denúncia, apontou que está é a irregularidade mais denunciada pela população Marabaense, números alarmantes que só confirmam, a prevenção é a única solução.

No banco de dados estão cadastrados mais de 750 denúncias envolvendo tráfico ou consumo de entorpecentes, mais de 509 pedras de crack apreendidas, 91 prisões que em sua maioria foram motivadas pela comercialização dos ilícitos.

A Legislação Brasileira prevê que todos os cidadãos têm o direito e o dever, de combater e prevenir o uso indevido de drogas no país. Os marabaenses podem cumprir com esse papel, pois o Disque Denúncia, pode acolher as informações sobre tráfico de drogas, acionar os órgãos competentes para operacionaliza-las, e assim de forma positiva proporcionar uma sociedade onde todos podem viver harmonicamente.

Entre os bairros que mais foram citados como rota do tráfico estão:

1- Nova Marabá
2- Velha Marabá
3- Liberdade
4- Bela Vista
5- Independência

Segundo o coordenador da central em Marabá, Igor Guedes, em todos os Estados que possuem Disque Denúncia, tráfico de drogas lidera o ranking de assuntos mais denunciados. “A situação só é diferente no município de Parauapebas onde perturbação a ordem pública é o mais denunciado, nos outros locais como Rio de Janeiro, Maranhão, Pernambuco, Bahia e São Paulo, o tráfico de drogas sempre é alvo de maiores reclamações”, finalizou o coordenador.

A operacionalização e o contato com os órgãos de proteção e repressão são fatores primordiais para o sucesso no ciclo da denúncia. “Sem o trabalho em conjunto com a polícia é impossível obter um resultado satisfatório. Nosso agradecimento se estende a todas as equipes policiais, em especial a Superintendência Regional do Sudeste do Pará o Grupamento Tático Operacional e 4º BPM , que desde o inicio colaboram e acreditam na importância do Disque Denúncia como ouvinte da população”.

Continue acreditando, basta ligar: (94) 3312 3350, o serviço funciona 24 horas e não é necessário se identificar. A sua ligação pode salvar uma vida.

Deixe seu comentário