Cuidado pré-natal é promovido em programa de saúde da Vale

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

prenatal

A Vale promoverá o 4° Seminário do Programa de Atenção à Saúde Básica (PASB) na próxima terça-feira (11), de 8h às 17h, na Unidade Básica de Saúde Novo Horizonte, em Canaã dos Carajás, em função da Campanha “A Saúde do Bebê Começa pelo Pré-natal – Canaã dos Carajás Cuidando de suas Gestantes”. A iniciativa, desenvolvida pelo Projeto Ferro Carajás S11D, visa contribuir para aumentar a cobertura pré-natal do município e para reduzir as internações hospitalares durante a gravidez, parto e puerpério, além de combater o parto prematuro, principalmente na população de maior risco e vulnerabilidade.

Participarão do seminário médicos, enfermeiros, odontólogos e agentes comunitários vinculados aos órgãos de saúde do município. Será uma oportunidade para que as equipes reforcem seus conhecimentos sobre o acompanhamento clínico no pré-natal, conheçam as estratégias de condução da campanha que será desenvolvida localmente e reflitam sobre a cobertura do pré-natal no município.

Na quarta-feira (12), será realizada uma reunião de alinhamento com as principais lideranças do município para buscar apoio na disseminação da importância do pré-natal junto às comunidades. O encontro será realizado no auditório do Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão (CIAC), às 16h, com a participação de líderes comunitários e representantes de igrejas e associações de bairro de Canaã.

Já nos dias 18, 19 e 20 de fevereiro, será realizada uma mobilização de mulheres e gestantes das comunidades Nova Jerusalém, Santa Vitória e Vale da Benção para a importância do pré-natal. Elas também terão acesso a serviços de saúde como vacinação, aferição de pressão arterial, agendamento de consultas para grávidas e realização de testes rápidos, entre outros.

Saúde comunitária

Desde 2013 o PASB contribui com os órgãos e entidades da área de saúde pública de Canaã dos Carajás na prevenção da mortalidade e morbidade infantil e na promoção da saúde de famílias em situação de extrema pobreza, a partir da mobilização social e apoio psicossocial.

Outros três seminários foram realizados no ano passado, abordando temas como: a saúde na infância e nas famílias em situação de extrema pobreza; a abordagem clínica na detecção e no tratamento eficaz das doenças respiratórias agudas mais prevalentes na infância; e as estratégias da Atenção Básica à Saúde na ampliação do acesso da população em risco e vulnerabilidade aos serviços de saúde.

 

Posts relacionados